Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Lázaro troca tiros com a polícia em Girassol-GO

Além dos policiais, que desembarcaram das aeronaves e fazem um intenso patrulhamento pela vegetação, o Corpo de Bombeiros também está no local para atender eventuais feridos na ação

Foto: Reprodução

Mateus Souza e Lucas Neiva
[email protected]

No final da tarde desta quinta-feira (17), nono dia de buscas por Lázaro Barbosa, de 32 anos, os policiais que atuam na operação trocaram tiros com o procurado. Moradores da região relataram que ouviram os disparos de fuzil. Lázaro é suspeito de cometer vários crimes nos últimos dias. Helicópteros acompanham de perto a operação, em uma fazenda do município de Girassol-GO.

Dezenas de policiais civis e militares, viaturas e três helicópteros estão mobilizados na operação. Apesar do relato do tiroteio, não há informação acerca de feridos. Além dos policiais, que desembarcaram das aeronaves e fazem um intenso patrulhamento pela vegetação, o Corpo de Bombeiros também está no local para atender eventuais feridos na ação.

O Secretario de segurança publica de goiás compareceu de helicóptero na área do tiroteio.

O efetivo que atua nas buscas é composto por mais de 200 policiais militares, civis, federais, rodoviários federais e policiamento com cães. A força-tarefa tem usado o distrito de Girassol, área rural de Cocalzinho, como base. Nesta quinta-feira (17), o grupo foi reforçado por 20 agentes da Força Nacional de Segurança.

Integrantes da força-tarefa relataram ter encontrado uma vela com o nome de Lázaro nas proximidades. Os policiais também suspeitam que Lázaro tenha invadido uma fazenda nos últimos dias e roubado suprimentos.

Um grupo de oração esteve próximo a uma das bases usadas pela polícia na manhã desta quinta-feira, 17, pedindo proteção divina para a vida dos policiais e dos moradores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar