Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Governador Ibaneis ouve população de Samambaia

Em uma visita à região administrativa, o líder do Buriti conversou com moradores e coletou demandas

Foto: Reprodução/ Agência

Elisa Costa
[email protected]

Na manhã de ontem, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), visitou a região administrativa de Samambaia, onde tomou café com empresários e apoiadores do governo e aproveitou para conversar com moradores e comerciantes locais. “A ideia é ouvir a população”, destacou o líder do Buriti em conversa com os jornalistas.

Na ocasião, Ibaneis ressaltou que ainda faltam melhorias a serem feitas na cidade e que a ideia é trabalhar nesses avanços caso seja reeleito. “Sabemos que nem todos os problemas nós conseguimos resolver ao longo desses três anos e seis meses de governo, e temos que nos preparar para uma nova caminhada”.

Contudo, não é só Samambaia que precisa da atenção da gestão pública. Por isso, o chefe do Executivo local destacou que vai continuar visitando as demais regiões: “Vamos seguir em outras cidades do DF, quero fechar o pacote com todas até o início da campanha, ouvir as pessoas cada vez mais, trazendo o espírito de que estando por perto nós conseguimos administrar melhor”.

Tendo em vista a necessidade de outros aprimoramentos no local, a Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) selecionou o Consórcio Samambaia para a construção de mais 2,5 mil unidades habitacionais, nas Quadras Ímpares e Sub-Centro e QRs 103 a 115, 121 a 123. O consórcio em questão é representado por federações, movimentos e associações locais.

De acordo com as informações, o empreendimento de interesse social é destinado aos candidatos que possuem faixa de renda 1,5 a 4, ou seja, de R$1.800,01 a 2.600,00, e de R$7.000,01 a 12 salários mínimos. A finalidade do edital publicado é realizar o chamamento público de organizações da sociedade civil que vão selecionar associações e cooperativas com contrato firmado com construtora. 

Assim, a Codhab subsidiará 100% do valor da área, enquanto a associação ou cooperativa, de forma individual ou agrupadas em consórcio, deverá promover a execução da obra. O subsídio concedido deve ser revertido para minimizar os custos das unidades habitacionais aos beneficiários.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Samambaia em destaque

De acordo com a Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (Pdad) de 2021, feita pelo Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), Samambaia está entre as três localidades com maior procura de imóveis entre aqueles que pretendem se mudar. A região tem 8,8% de intenção de transferência de endereço, e fica atrás apenas de Taguatinga (10,9%) e Ceilândia (14,5%).

De 2019 até o momento, o Governo do Distrito Federal (GDF) já entregou 444 moradias na cidade, e para 2022 estão previstas mais 148 ocupações. “Samambaia é uma cidade com um projeto arquitetônico que favorece a qualidade de vida e a mobilidade, com avenidas largas, calçadões e boa área de lazer”, comentou o administrador da RA, Claudeci Ferreira.

Na gestão de Ibaneis, a região já recebeu mais de R$13 milhões em investimentos nas áreas da educação e saúde. Os moradores contam com 13 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), além do Hospital Regional e uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). No ramo educacional, foram investidos cerca de R$59 milhões, que são usados para a construção e reforma de creches e escolas.

Já foram revitalizados o CEF 411, o CEF 427 e o CEF 312, que também ganharam a cobertura das quadras poliesportivas. A Escola Classe 410 e a Escola Classe 415 já foram licitadas para construção, além do Centro de Educação da Primeira Infância (Cepi), na quadra 217. No total, as três unidades poderão atender mais de 3,5 mil alunos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar