Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Brasília

Faculdade de Medicina da UnB expressa “Profunda preocupação”com nota do CRM-DF

A equipe da Faculdade de Medicina diz se surpreender com o posicionamento do Conselho Regional de Medicina

Foto: Agência Brasil

Em alinhamento com a Sociedade de Ifectologia do Distrito Federal (SIDF), a Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília (UnB) divulgou nota pública, nesta segunda-feira (1º), manifestando “profunda preocupação” com o posicionamento do Conselho Regional de Medicina do DF (CRM-DF) contra o lockdown como medida contra a Covid-19.

No documento, a entidade afirma que o lockdown “já se mostrou ineficaz” e “atenta contra os direitos fundamentais da Carta Magna”.

Em nota, a Faculdade de Medicina ressaltou: “A adesão às medidas de distanciamento físico, higienização frequente das mãos, uso de máscaras e de evitar aglomerações é fundamental para o enfrentamento da pandemia, porém, isso não é suficiente para reverter o cenário crítico atual na rede de atenção à saúde do DF”.

A equipe da Faculdade diz se surpreender com o posicionamento do Conselho Regional de Medicina. “Surpreende-nos sobremaneira a afirmação do CRM-DF ao argumentar contra uma medida destinada a evitar a morte das pessoas afetadas pela doença, em prol de interesses de natureza econômica e alheios ao seu dever de zelar pelo bom exercício da profissão médica.”

Confira a nota:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar