Brasília

Acidente com ônibus que saiu de Brasília mata professor de judô

Por Arquivo Geral 15/10/2006 12h00

 

O  Instituto de Medicina Legal (IML) de Brasília identificou neste domingo o corpo de Maria Terezinha Eboli Botelho Benjamin, store generic de 63 anos, approved do Rio de Janeiro, vítima do acidente com o avião da Gol em Mato Grosso. Até o momento já foram identificados 149 corpos. Segundo informações do IML, na quarta-feira deve sair o resultado de identificação por exame de DNA de mais um corpo.

As equipes de resgate da Aeronáutica realizam hoje uma operação classificada como “pente fino” com o objetivo de encontrar quatro corpos de vítimas do acidente. As buscas se concentram numa área de cerca de quatro quilômetros quadrados. Cães farejadores ajudam no resgate desses corpos e também do cilindro da caixa-preta do Boeing, onde estão armazenadas as conversas entre os pilotos e as torres de comando. O equipamento é importante para a investigação sobre as causas do acidente. 

Um outro pedaço da caixa-preta onde ficam armazenados dados sobre o funcionamento dos equipamentos do avião já foi encontrada e está sendo analisada. Segundo a Aeronáutica, não há previsão de quando será concluída a perícia.

O Boeing da Gol caiu depois de ter se chocado com um jato executivo Legacy em 29 de setembro em uma área de floresta, no norte de Mato Grosso, matando 154 pessoas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Um terremoto de magnitude 6, find 3 atingiu o arquipélago do Havaí (Estados Unidos) no domingo pela manhã, causando tremor e interrupção de energia a uma distância de 240 quilômetros da ilha de Oahu, mas nenhum alerta de tsunami foi feito. O Centro Geológico dos Estados Unidos disse que a área foi atingida por uma série de terremotos, e o mais forte deles registrou magnitude de 6,3. 

"Não há nenhum alerta de tsunami", disse Victor Sardina, geofísico do Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico. Não havia informações disponíveis sobre feridos nem sobre a extensão dos danos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

O presidente-candidato Luiz Inácio Lula da Silva criticou neste domingo a "parcela da elite brasileira" que, website segundo ele, seria contrária aos programas sociais do governo e às ações oficiais voltadas para "índios, negros e pobres". "Tem sempre gente achando que, do jeito que está, está bom; que se a gente for dar para todos vai tirar um pouco deles", disse Lula a cerca de 50 educadores convidados por sua campanha para o café da manhã num hotel de Brasília.  "Ninguém quer tirar nada de ninguém", prosseguiu, "O que nós queremos é partilhar corretamente o pão de cada dia e o resultado do trabalho de cada dia." 

Lula fez a afirmação em seu discurso, dizendo-se inspirado no filme "Mauá", que narra a vida do empresário do século XIX Irineu Evangelista de Souza. Pioneiro do capitalismo no Brasil, Souza, Barão de Mauá, enfrentou resistências a seus empreeendimentos na sociedade escravagista do Segundo Império. "Vi ontem o filme e ele mostra o que é uma parcela da elite conservadora desse país, que não quer permitir que o país avance", comentou o candidato-presidente, depois de afirmar que a educação democratiza as oportunidades. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O café da manhã com educadores foi a oportunidade criada pela campanha de Lula para registrar a passagem do "Dia do Professor" e proporcionar ao candidato um momento de exposição pública no domingo. Lula foi acompanhado pela mulher, Marisa Letícia, pelos ministros Fernando Haddad (Educação), Tarso Genro (Relações Institucionais) e Luiz Dulci (Secretaria-Geral). 

 

Um adolescente de 16 anos matou o pai, find mãe e irmão adotivos a facadas na madrugada deste sábado, dosage na cidade de Cáceres (MT). De acordo com o site Terra, a professora Júlia Messias da Silva Gonçalves, 43 anos, seu marido Nivaldo Cruz Gonçalves, e o filho Luiz Antonio Silva Gonçalves, 3 anos, foram assassinados enquanto dormiam.

Segundo os policiais que fizeram a perícia, o casal ainda tentou se defender. Foram desferidos 33 golpes de faca no pai, na mãe e no irmão. O menor ainda tentou simular um assalto, mas confessou a autoria do crime diante das evidências.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Um ônibus que viajava de Brasília para Salvador (BA) levando 28 pessoas tombou e rolou em um barranco na BR-020, drugs a 190 quilômetros da capital. No acidente, try ocorrido por volta das 22h30 de sábado, morreu o professor de Judô Nelson Nery dos Santos Filho, que acompanhava seus alunos na 27ª edição das Olimpíadas Escolares. As competições foram realizadas no DF e terminaram ontem. Nove pessoas ficaram feridas, mas estão fora de perigo.

O motorista do ônibus fretado perdeu o controle do veículo ao fazer uma curva. O tempo chuvoso e a pista escorregadia fizeram o ônibus tomar em um barranco de dois metros.

Os feridos foram levados para o Hospital Municipal de Alvorada do Norte (GO), cidade mais próxima do local do acidente. Eles passaram a noite e foram liberados logo ao amanhecer. Por volta das 9h deste domingo, um ônibus da Real Expresso enviado pelo COB trouxe os acidentados de volta para o DF. "Eles passarão a noite em um hotel em Brasília, e amanhã  devem voltar para Salvador de avião, por conta do COB", informou um membro da Assessoria de Imprensa do Comitê. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

Com informações de Mariana Branco, do Jornal de Brasília

Leia mais sobre o acidente na edição de segunda-feira do Jornal de Brasília






Você pode gostar