fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Coronavírus: família de brasileiro que faleceu em Londres pede ajuda para funeral

Com os pulmões comprometidos, teve paralisação dos rins e do pâncreas, em 31 de março, os médicos optaram por desligar o sistema de auxílio respiratório

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A família de Gessuí Tavares, brasileiro que morreu em Londres na última semana em decorrência de complicações causadas pelo novo coronavírus, criou uma campanha para arrecadar o dinheiro necessário para pagar os custos de cerca de 6 mil libras (R$ 38 mil) do funeral. 

“Tavares era o principal provedor financeiro de sua família e a deixou para trás sem nenhuma economia ou segurança financeira. Sua esposa está incapaz de trabalhar ou receber qualquer fonte de renda devido à atual pandemia e, portanto, seria incapaz de pagar qualquer um dos custos envolvidos no funeral”, diz o texto da campanha, feita em uma página do GoFundme

Com 69 anos, Tavares morava em Londres desde 2003 e tinha diabetes. Após apresentar os sintomas de coronavírus, ele foi internado em 27 de março e o quadro piorou rapidamente. Com os pulmões comprometidos, teve paralisação dos rins e do pâncreas e, em 31 de março, os médicos optaram por desligar o sistema de auxílio respiratório. Ele acabou morrendo minutos depois. 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade