Histórias da Bola

Primeirão no ‘Maraca’

Vasco quer se, mas Bangu foi o primeiro clube campeão na Era Maracanã

Por Gustavo Mariani 08/04/2021 12h54

No futebol brasileiro, todo clube quer ser o maior. E apresenta as suas evidências. Palmeiras e Fluminense, por exemplo, se dizem campeões mundiais, por terem vencido torneios internacionais, no Brasil, pelos moldes da FIFA-Federação Internacional de Futebol Associado, pelos inícios da década-1950. Torcedores do Vasco da Gama vão mais longe e o imputam um tri e um campeonato moral. Há até, reivindicação do Bangu, por ter ganho torneio internacional, em Nova York, em 1960.

No rol dessas conquistas, o Vasco da Gama se diz, também, primeiro campeão da Era Maracanã. Rigorosamente, o primeirão foi a seleção do Uruguai, batendo os brasileiros, no 16 de julho de 1950. Mas, para os vascaínos, isso não vale. Para eles, vale é titulo por clube. E eles ganharam o primeiro Campeonato Carioca decidido no Maracan, em 28 de janeiro de 1951, com 2 x 1, ainda, valendo pela temporada anterior.

Realmente, assim, o Almira tem razão. Só que, bem antes disso, um título clubístico já havia sido conquistado na casa: o do Torneio Início do Campeonato Carioca-1950, pelo Bangu, que tirou da frente Canto do Rio, Botafogo e Olaria, para decidir e vencer o Vasco da Gama, na final, por 3 x 2, na prorrogação.

Aí, entra um outro componente: por ser Initium, como os jornais escreviam, em seus inícios, um festival de futebol, em tarde domingueira, só para marcar o início da temporada oficial carioca, era considerado mero rola bola desimportante, com valor só psicológico.

Criado, em 1916, pela Associação dos Cronistas Desportivos (atual Associação dos Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro-ACERJ), com jogos de 20 minutos, em dois tempos de 10, e decisão, em 60 minutos, com duas etapas de 30, se não houvesse gols, decidia-se pelo número de escanteio cedidos. Posteriormente, adotou-se decisão por cobranças de pênaltis.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na finalíssima de 1950, disputado no dia 30 de julho, duas semanas após a Copa do Mundo, rolou Bangu 3 x 2 Vasco da Gama, apitado por Carlos de Oliveira Monteiro, o Tijolo, com 2 x 2 no tempo normal de jogo – Ismael e Zizinho marcaram para os banguenses, e Sula (contra) e Ferrinho para os vacaínhos. Na prorrogação, Menezes (foto) deu o primeiro titulo de um clube no Maracanã ao Bangu, que foi: Luiz Borracha, Mendonça e Sula; Guálter, Mirim, Pinguela; Menezes, Zizinho, Joel, Ismael e Moacir Bueno. O Almirante reclamão vice, alinhou: Ernâni, Laerte e Wilson Capão, Alfredo, Lola e Jorge; Ferrinho, Lima, Carlinhos, Jair e Jansen. Portanto, o Bangu, além de querer ter sido campeão mundial, em 1960, foi o real primeiro clube a carregar uma taça de dentro do Maraca – isso ninguém lhe tira.






Você pode gostar