Siga o Jornal de Brasília

Gilberto Amaral

Fim do mundo

Publicado

em

Publicidade

Nenhum cidadão pode ser denunciado, processado, detido ou preso por opiniões, por mais esdrúxulas que sejam. Todos nós temos o direito de proferir e anunciar os nossos comentários. Ainda mais na intimidade do lar. Foi o que aconteceu com o ex-presidente Sarney (foto). Ele manifestou uma opinião crítica, ou um conselho, para quem está enrolado na Lava Jato, o falso amigo e agora revelado bandoleiro Sérgio Machado. O “crime” de Sarney é o de aconselhar um suposto amigo (sabe-se agora um vagabundo) a se defender das acusações que Sarney imaginava serem injustas. Pensar diferente disso que escrevo, sobre o velho Sarney, é admitir que o mundo está se acabando. O ex-governador de Sergipe, João Alves disse ontem a este colunista de que o que fizeram a Sarney “é o maior desrespeito a história do Brasil”.

Preto e branco

Em 1954, quando eu morei em Poços de Caldas, ela era chamada de cidade em tecnicolor. Ontem, quem me ligou de lá foi o Pedro Rogério dizendo que aquela estância hidromineral não é mais aquela de outrora. Prédios altos e mal cuidada, perdendo todo o charme que a paulistada usava e abusava nas férias.

Pediatria

Encontrei na Agência Estilo do BB, da QI 9 do Lago Sul, com um dos mais velhos pediatras do Brasil, o professor Antônio Márcio Lisboa. Ele me contou que estava chegando do Rio, onde foi participar da eleição da Sociedade Brasileira de Pediatria criada há 100 anos. Lisboa falou que uma vez quis eleger uma mulher para presidente e não conseguiu, mas que agora uma baiana venceu para ocupar o cargo.

Especulação

A “lei da bengala” para os ministros do STF não sei se foi bem ou mal recebida pelos mais antigos magistrados. O que eu vou especular agora é que os ministros não podiam ser nomeados depois da idade de 65 anos e também quero saber se algo mudou. E o principal, se não foi feita deve ser: ministro só pode ser nomeado após a idade de 50 anos. Porque se ele usar a lei da bengala vai ficar na Suprema Corte do país por 25 anos. Isso é um exagero. Com menos de 50 anos, muitos não estão preparados para o cargo.

Collor e a PGR

Perguntei ao ex-presidente Fernando Collor como estava à situação dele na operação Lava Jato. Ele foi bem sucinto: “Tenho em minhas mãos sete processos contra Rodrigo Janot”, que ele chama de Janó.

Apurar todo mundo

Já que a bola de neve da Lava Jato cresce cada dia mais, o melhor seria julgar os culpados e os julgadores. Tem muita gente com processos em todo o Brasil que nem são lembrados. Se é para passar a régua, vamos passar em todo mundo. Guerra é guerra.

Très Chic

Um buquê bem ao estilo parisiense foi o que a Wishlist enviou a suas clientes especiais para convida-las a conhecer a nova fase da loja que fica no Gilberto Salomão.

Leilão

Nesta quinta-feira começa o Leilão da Casa Amarela em benefício da Abrace, no Brasil 21. Silvia Souza já está em Brasília preparando tudo com o maior carinho. Quem convida é Márcia Lima.

Wedding

O Iguatemi vai ser palco de um grande evento na próxima semana. É o Wedding Boutique Brasil, um evento voltado para o mercado de casamento. O espaço vai receber cerca de cem fornecedores e contará com desfiles, workshops, empresários do todos os serviços relacionados à casamento, área para crianças e um espaço para gastronomia.

Louis XIII

Amanhã, o Taypá recebe seletos convidados para um happy hour exclusivo, promovido pelo badalado Cognac Louis XIII de Rémy Martin. Presença da bela Jessia Lobo, embaixadora da label no Brasil.

Aprovado

Com a competência que lhe é devida, o banqueiro Ilan Goldfajn foi aprovado pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado para ocupar o cargo de presidente do Banco Central. Alguns mal informados quiseram criar caso por ele ter sido diretor do Banco Itaú. Ilan explicou que tinha deixado a diretoria do Itaú e inclusive vendido todas as suas ações. Boa escolha
e boa sorte.

Entre amigas

As elegantes da Corte estarão reunidas em almoço oferecido por Valeska Tonet Camargo para homenagear a amiga Pompeia Addario. Grande anfitriã e uma homenagem muito justa a esta pioneira.


Você pode gostar
Publicidade