Siga o Jornal de Brasília

Esplanada

Previdência pode ser votada em julho na Câmara

Publicado

em

O texto da reforma da Previdência poderá ser votado no plenário da Câmara Federal nas primeiras semanas de julho. A previsão, no entanto, depende de dois fatores: apresentação do parecer do relator Samuel Moreira (PSDB-SP) até a quarta-feira e da resistência da oposição, que já avisou que pretende estender a discussão da matéria.

Na comissão da Câmara que discutiu a reforma do ex-presidente Michel Temer, a votação durou três dias. O presidente do colegiado, Marcelo Ramos (PR-AM), pretende convocar sessão 24 horas depois da apresentação do parecer para leitura.

Como praxe da oposição, algum deputado deve pedir vistas, o que interrompe a tramitação por duas sessões do plenário.

Ramos já tem conversado com líderes para fechar acordo sobre os procedimentos e agilizar a votação. Enquanto isso, a economia do Brasil segue em compasso de espera.

Caixa-preta

O Senado ainda não lançou e nem tem previsão de dar publicidade ao novo portal que vai disponibilizar as notas fiscais de despesas pagas por senadores com a verba indenizatória. A Câmara Federal já disponibiliza as notas para consulta pública há anos. A previsão do novo portal do Senado era março, conforme registrou a Coluna.

A Casa Alta foi até alvo de inquérito civil no Ministério Público Federal por desrespeito à Lei de Acesso à Informação. A ação foi apresentada pela Operação Política Supervisionada. Em maio, o Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União pediu à Corte apuração sobre a conduta do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), de manter em sigilo notas fiscais com gastos de verba de gabinete.

Poder das redes

Veja como o Brasil é mesmo o País das redes sociais. Pesquisa da Diário de Campo revela que o hábito de seguir influenciadores digitais é expressivo por aqui: 84,3% dizem que acompanham com frequência o dia a dia deles pelo Instagram. Foram ouvidos 1.260 pessoas entre março e maio.

O estudo comprova que a estratégia de marcas em investir nos influenciadores digitais é certeira: 49% dos entrevistados já fizeram compras de produtos indicados, e 76% já mudaram de opinião após ler comentários dos influencers.

OAB x corrupção 

O presidente recém reconduzido da Comissão da Advocacia Estatal da OAB nacional, Carlos Castro, revela que um dos principais objetivos do grupo é regulamentar a carreira dos advogados de estatais para fortalecer os mecanismos de combate à corrupção. Castro palestrou no Congresso Nacional da Advocef, em Foz do Iguaçu.

Pacote (de mídia)

Prevista para estreia dia 12 de junho, a campanha publicitária pela aprovação do pacote anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro, é alvo de questionamentos pelo PSOL. Em dois requerimentos protocolados no MJ, o partido pede o detalhamento de verba, as agências contratadas e a lista de veículos de comunicação.

Selo verde

O Ibama deu certificado para a recuperação das minas Felicíssimo e Ipanema, que forneciam calcário para a antiga fábrica da cimenteira Lafarge Holcim de Sorocaba (SP). A empresa investiu US$ 3 milhões em 51 hectares de florestas, por 10 anos.

História

Um dos mais renomados jornalistas do Piauí, com mais de 30 anos de carreira, Zózimo Tavares lançou a biografia de Alberto Silva.


Você pode gostar
Publicidade