Siga o Jornal de Brasília

Do Alto da Torre

Governador Ibaneis Rocha fortalece, ainda mais, o secretário da Fazenda

“Muitas vezes quem tem a chave do cofre é muito criticado, mas dessa vez está com uma pessoa muito responsável”

Publicado

em

Foto: Raianne Cordeiro/Jornal de Brasilia/Cedoc

Lucas Valença
[email protected]

 

Fortalecendo o forte

Durante evento no Buriti ontem, o governador Ibaneis Rocha (MDB) procurou fortalecer o super secretário da Fazenda, André Clemente. Quando se pronunciou, foi enfático: “Muitas vezes quem tem a chave do cofre é muito criticado, mas dessa vez está com uma pessoa muito responsável”.

De olhos abertos

Em sua fala, o governador demonstra que tem conhecimento sobre os conflitos que tem afetado o alto escalão do palácio. O gestor também chamou para si a responsabilidade das críticas a Clemente. A estratégia, analisou um secretário, foi praticar um dos maiores contingenciamentos de recursos dos últimos governos neste primeiro semestre.

Ajuste fiscal

Dados obtidos pela coluna mostram que o ajuste fiscal terá que permanecer ainda neste ano. Mas a tentativa de formar caixa, em meio à crise, pode levar o GDF a liberar um volume maior de recursos para 2020 em diante. O foco que o governo quer dar será para os investimentos.

Estudo prioritário

Um possível estudo sobre as condições dos empreendimentos em Vicente Pires está sob responsabilidade da Secretaria de Habitação. Como muitos dos imóveis do local foram construídos de forma irregular, não tiveram o acompanhamento adequado por engenheiros ou arquitetos.

De olhos abertos

Um integrante do alto comando da Terracap tem atentado para as condições atípicas da cidade, mas deve procurar regularizar as construções com até dois andares. Só que as edificações maiores ainda precisam de soluções. Por enquanto, o órgão tem agido com cautela evitar problemas futuros. Um estudo da secretaria se mostra necessário.

Corrida contra o tempo

Enquanto a burocracia se organiza, as obras em Vicente Pires continuam a todo vapor. Ontem, a rua 4B foi concluída. A rua 3B, com mais de 1.200 metros de cumprimento, também foi entregue recentemente. Do montante de R$ 426,8 milhões para investimentos anunciados ontem no Buriti, R$ 150 milhões são para a cidade.

Mudanças no SIG

O projeto que visa alterar a destinação original do Setor de Indústrias Gráficas (SIG) deve chegar à Câmara Legislativa na próxima semana. Os distritais já vêm sofrendo pressões até por se manterem neutros, já que o projeto ainda não foi analisado. Ainda falta articulação do outro lado da praça dos Três Poderes distritais.

Instituto “Codeplan”

Ex-assessor parlamentar, o presidente da Codeplan, Jean Lima (foto), tem circulado pelos gabinetes dos parlamentares para tentar transformar a empresa pública em um instituto. Na próxima segunda (12), terá reunião com os parlamentares, mas o projeto não tem prazo para chegar no Legislativo. Ainda em análise na Casa Civil, o objetivo é levar para votação ainda neste ano.


Você pode gostar
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade 
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

    Charge do dia
Publicidade