Siga o Jornal de Brasília

Do Alto da Torre

Crime da 113 Sul: defesa e acusação entram em ação após depoimento de Adriana Villela

De acordo com o artigo 483, da Lei 11689/08, define quesitos a serem abordados nas perguntas de ambas as partes. Confira trechos da norma:

Publicado

em

Foto: Vítor Mendonça/Jornal de Brasília
Publicidade

Lucas Valença
redacao@grupojbr.com

Após o depoimento da arquiteta Adriana Villela, que estima-se que dure em torno de seis horas, as partes do julgamento (defesa e acusação) terão seus momentos de fala, respeitando o rito de réplica e tréplica.

Ao término, o júri deve se reunir em uma sala para responder um questionamento para que o juiz entenda o veredicto proferido.

A lei 11689/08 em seu artigo 483 define os quesitos que serão abordados no questionário.

Publicidade

Confira trechos da norma:

 


Você pode gostar
Publicidade