Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Do Alto da Torre

Bancada

Com a posse da deputada Flávia Arruda (PL-DF) como ministra da Secretaria de Governo, quem está a frente do encontro da bancada do DF é o deputado Professor Israel

Hylda Cavalcanti e Catarina Lima
[email protected]

A bancada do Distrito Federal no Congresso (foto) tem reunião hoje, às 9h. Na pauta, os deputados e senadores vão conversar sobre como atuarão no tocante à campanha de vacinação contra a Covid-19, a falta de doses da vacina na capital e a imunização dos professores.

Coordenação – Com a posse da deputada Flávia Arruda (PL-DF) como ministra da Secretaria de Governo (ela era coordenadora da bancada), quem está a frente da organização do encontro é o deputado Professor Israel (PV-DF). O grupo, porém, ainda não definiu o nome que substituirá Flávia.

Homeshooling

O deputado federal Professor Israel (PV-DF) tem tido atuação forte contra o projeto que institui o ensino domiciliar, ou homeshooling, em todo o Brasil, em apreciação na Câmara. “Isso deveria ser a prioridade e só demonstra a falta de planejamento e de projeto para educação brasileira”, criticou.

Outro foco – Presidente da Frente Parlamentar Mista da Educação, o deputado afirmou que após iniciar as etapas de universalização e de formação de professores, o Brasil deveria ter como foco a melhoria da qualidade do ensino e não priorizar o ensino domiciliar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na internet

O deputado distrital Chico Vigilante (PT) apresentou na Câmara Legislativa do DF (CLDF) um projeto de lei para obrigar o governo a publicar diariamente, na internet, a lista de pessoas vacinadas contra a covid-19 no Distrito Federal.

Desrespeito – O objetivo da proposta, afirmou ele, é evitar que pessoas sejam vacinadas em desacordo com a ordem prioritária estabelecida. “Notícias de desrespeito às prioridades de imunização são veiculadas diariamente, por isso precisamos ter um controle”, disse.

Atualização – Segundo Vigilante, a listagem deverá ser atualizada diariamente às 9h do dia seguinte à aplicação da vacina e conter local de vacinação; data e critério de inclusão no calendário de vacinação. A matéria começa a tramitar a partir desta semana.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Jornalistas

No Dia do Jornalista, comemorado ontem, o Brasil figurou como o país com maior número de mortes pelo coronavírus entre estes profissionais no mundo. Os dados constam em dossiê da Fenaj sobre o primeiro trimestre de 2021.

Óbitos – De acordo com esse levantamento, a partir de acompanhamento feito pelos sindicatos de jornalistas brasileiros, 169 deles morreram entre abril de 2020 e março de 2021 de covid. Sendo que as mortes nesses três meses de 2021 superam todo o ano de 2020.

Aumento – No total, foram registrados 78 óbitos de repórteres, editores e assessores no período entre abril e dezembro do ano passado. Já este ano, as vítimas com óbito foram 86, o que representa um percentual 8,6% maior que o total de 2020.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Drones

O deputado distrital Robério Negreiros (PSD) ficou satisfeito com a aprovação, pela Comissão de Economia da CLDF, do projeto de sua autoria que autoriza a utilização de drones para monitoramento na fiscalização ambiental.

Autorização – Conforme estabelece o texto, a liberação é voltada para servidores com poder de polícia administrativa ambiental, que devem ter autorização da Anac para operar o equipamento.

Controle – “Os drones vão auxiliar na medição de áreas de desmatamento, controle de caça e poluição sonora em locais públicos, já que percorrem 90 quilômetros por hora a uma altura de 500 metros de seu operador”, explicou Negreiros.

Na Enap

A Escola Nacional de Administração Pública (Enap) doou esta semana para a Secretaria de Saúde do DF 3.642 produtos entre roupas de cama, roupas de banho, cobertores, travesseiros e fronhas para auxiliar as unidades de saúde no atendimento à população durante essa pandemia. O objetivo é ajudar a suprir a necessidade dos hospitais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Solidariedade – “Tínhamos um material de hotelaria novo que não seria mais utilizado, pois nosso alojamento para receber estudantes foi desativado. Dessa forma, contribuímos um pouco para amenizar as dificuldades observadas”, disse uma das representantes da entidade, Fabiana Baptistucci.

“Nova fase”

O líder do governo na CLDF, deputado distrital Hermeto (MDB), integrante da PMDF há 30 anos, elogiou ontem as nomeações do novo comandante-geral e subcomandante da corporação, respectivamente, Márcio Vasconcelos e Hércules Freitas. Segundo o distrital, a PM do DF viverá daqui por diante uma “nova fase”.

Portarias – “O coronel Vasconcelos é um oficial respeitado pela tropa e o coronel Hércules é conhecido como coronel de coturno, um dos mais queridos na PMDF”, frisou. Além Dos elogios, Hermeto pediu a revogação de portarias da gestão anterior que, a seu ver, prejudicam os policiais. “Têm caráter draconiano”, criticou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lançamento

Será lançada hoje, às 16h30 pela Câmara Legislativa página intitulada “Cidadão Honorário e Benemérito do Portal CLDF”, com informações sobre os 1.407 nomes agraciados pela Casa desde 1991 por contribuições dadas à cidade nas mais diversas áreas. Dentre estes, figuras ilustres como Oscar Niemeyer e Juscelino Kubitscheck.

Informações – No novo conteúdo, o usuário poderá acessar informações sobre essas pessoas e conhecer os motivos que levaram os parlamentares a conceder a honraria. De acordo com o chefe de Cerimonial da CLDF, Carlos Antônio Vieira Júnior, o espaço é uma oportunidade de evidenciar os homenageados e mostrar mais sobre esses profissionais.

Pornografia

O Núcleo Especial de Combate a Crimes Cibernéticos (NCyber) do MPDFT requisitou a instauração de inquérito policial pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernético para investigar a exibição de um vídeo pornográfico durante aula online de uma turma do 6º ano do Centro de Ensino Fundamental (CEF) nº 11 de Taguatinga.

Invasão – O Ncyber quer apurar, entre outras questões, a identidade das pessoas responsáveis pela veiculação do vídeo, em abril passado, e se houve invasão dos dispositivos informáticos. Conforme os procuradores, os responsáveis podem responder pelos crimes de invasão de dispositivos e pela indução dos menores a presenciar ato libidinoso.






Você pode gostar