Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

PDT rechaça PT e mira aliança com Rede e PSB

Por Leandro Mazzini 21/01/2022 10h34
Foto: Reprodução/Agência Brasil

Apesar da divisão interna da Rede Sustentabilidade, o PDT mantém a intenção de “construir um caminho” com o partido de Marina Silva para a disputa presidencial em outubro. A afirmação é do presidente nacional do partido, Carlos Lupi. À Coluna, o dirigente descarta qualquer possibilidade de integrar uma eventual federação partidária capitaneada pelo PT. “Estamos sempre dialogando com o PSB e a Rede tem conversado sempre conosco. A Marina é um excelente nome”, afirma Lupi. 

Dividida entre o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) e o ex-presidente Lula (PT), a tendência da Rede, hoje, é liberar o voto para apaziguar os ânimos internos. 

Ciro lança hoje, em Brasília, sua candidatura à Presidência. Já adiantou que vai fazer um discurso “forte”, mas sem perder a ternura. A versão moderada do pré-candidato do PDT está sendo moldada pelo ex-marqueteiro petista, João Santana.








Você pode gostar