Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Campanha ‘’Educação Financeira contra o Racismo’’, da NoFront, está na reta final

A iniciativa visa alcançar lideranças periféricas para propagar saberes em economia nas comunidades

Por Analice Nicolau 06/12/2021 4h00
A iniciativa visa alcançar lideranças periféricas para propagar saberes em economia nas comunidades

Só restam quatro dias para doar para a campanha “Educação Financeira contra o Racismo”, da NoFront Educação Financeira, através do Matchfunding Enfrente – organizada pela Fundação Tide Setubal, em parceria com a Benfeitoria. O projeto dará continuidade a promoção do protagonismo negro, dentro das periferias, através da educação financeira e econômica.

Com encerramento no próximo dia 10, a campanha visa interromper o ciclo da pobreza e fortalecer a construção de redes colaborativas que transformem narrativas entre as periferias brasileiras e diaspóricas. “Queremos recuperar valores africanos distorcidos durante a história, exaltar a conexão com a prosperidade e seguir no comando das nossas vidas como pessoas negras motivadas, amparadas e vivas”, diz Gabriela Chaves, fundadora da NoFront. Até o momento, a campanha arrecadou R$51 mil de sua meta de R$ 90 mil. Caso o objetivo não seja alcançado, nenhum valor poderá ser revertido pela NoFront, pois a campanha é “Tudo ou Nada”.

A proposta do programa ‘Educação Financeira contra o Racismo’ visa a construção de estratégias de letramento e empoderamento econômico, gratuitos, em prol da base da pirâmide social composta por mulheres negras e indígenas (cis e trans), pessoas desempregadas, mães e pais solo, comunidades tradicionais e coletivos LGBTQIA+. É com o olhar sensível sobre questões raciais e de gênero, que a NoFront democratiza o conhecimento e facilita o acesso de todos(as).

A cada R$1 doado, o Fundo Enfrente aporta mais R$ 2, triplicando a arrecadação. Caso você queira participar da arrecadação e saber mais informações do projeto, acesse o site https://benfeitoria.com/nofront ou o Instagram (@nofrontempoderamento). Essa luta é de todos nós!

Fundada por Gaby Chaves, economista negra e periférica de 27 anos, a NoFront é uma plataforma multitecnologias, de impacto social, que propõe democratizar o campo estratégico para o combate das desigualdades estruturais: a economia. É uma iniciativa com 3 anos de experiência na produção de metodologias de ensino de finanças pessoais e economia, para grupos em situação de vulnerabilidade. Já formou mais de 5000 pessoas em todo o país, com método inovador: fala sobre dinheiro a partir de músicas do RAP.

Assista ao vídeo da campanha:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar