Jornal de Brasília

Informação e Opinião

BsbTek

A Produção de Aço Finalmente Começa a Fugir do Carvão

Como nós sabemos, o carvão é a base de todas as empresas que necessitam de energia gerada por ele e por calor para processos de fabricação. As companhia de aço produzem quase 2 bilhões de toneladas anuais do produto para construções de estradas, prédios, pontes entre outros. E as fornalhas consumem muito carvão. E as mesmas são responsáveis por 8% das emissões de dióxido de carbono e uma sopa complexa de poluentes.

Uma companhia perto de Boston, chamada de Boston Metal, liderada por Tadeu Carneiro, está desenvolvendo uma startup que subsititui o carvão por eletrons. Uma tecnologia oriunda do MIT, uma corrente elétrica esquente o minério convertendo o mesmo em metal e fundindo em aço conforme o processo. E com isso não produz gases que afetam a atmosfera, causando efeito estufa. Sendo um processo 100% sem emissões.

Além dessas, ainda existem outras inicitavias na Europa, no Brasil, que colocam hidrogênio para maximizar o carvÃo mineral, o que produz uma mistura mais eficiente e reduz o gasto do mesmo. Vamos torcer que essas iniciativas decolem e que ajude a não alterar mais a temperatura global.








Você pode gostar