Menu
Torcida

São Paulo se salva com pênalti no fim e avança às quartas do Paulistão

Ferreira, Luciano e Lucas (de pênalti) marcaram para o São Paulo; Zé Carlos fez os dois gols do Ituano

Redação Jornal de Brasília

10/03/2024 18h52

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

O São Paulo esteve a segundos de ser eliminado na primeira fase do Paulistão. Um pênalti convertido por Lucas no final, no entanto, garantiu a vitória sobre o Ituano por 3 a 2, neste domingo (10), e a vaga nas quartas de final.

Ferreira, Luciano e Lucas (de pênalti) marcaram para o São Paulo. Zé Carlos fez os dois gols do Ituano.

O São Paulo se classificou na primeira posição do grupo D e enfrentará o Novorizontino nas quartas de final. As duas equipes terminaram empatadas com 22 pontos, mas o São Paulo teve saldo melhor.

O Ituano somou apenas seis pontos e foi rebaixado para a Série A2. O Santo André, que venceu a Ponte Preta, também caiu.

Como foi o jogo

Os dois times protagonizaram um primeiro tempo movimentado, mesmo diante de um gramado encharcado em Itu. As fortes chuvas antes da partida não impediram que ambas as equipes buscassem o gol, embora apresentassem dificuldades para construir as jogadas.
Gols saíram de repente e geraram alterações na tabela. Aos 18 minutos da primeira etapa, Ferreira abriu o placar para o Tricolor Paulista, mas Zé Carlos empatou aos 26 — neste momento, os tricolores estavam fora da próxima fase em decorrência dos outros resultados. O alívio veio somente aos 34, quando Luciano recolocou os visitantes na frente.

O São Paulo levou gol no final, mas garantiu a vitória com pênalti nos acréscimos. O time comandado por Thiago Carpini trabalhou mais a bola no campo do Ituano, mas não pressionou muito e acabou levando um gol de Zé Carlos, aos 44 minutos. Aos 52, Lucas converteu pênalti sofrido por Juan -após Raphael Claus consultar o VAR- e garantiu o São Paulo no mata-mata.

Gols e melhores momentos

Em começo de jogo mais truncado, goleiros também estavam atentos. Na primeira boa chance do São Paulo, logo com três minutos, Ferreira esteve na cara do gol e acabou parando em Jefferson Paulino.

Aos 13, foi a vez de Rafael salvar cabeceio venenoso de Thonny Anderson.

0x1: Ferreira abriu o placar para o São Paulo. Aos 18 minutos, Igor Vinícius cobrou escanteio, Calleri subiu mais alto que a marcação e escorou. Ferreira aproveitou a sobra e deu um peixinho certeiro.

1×1: Tudo igual em Itu. Aos 26, Vinicius Paiva deixou Welington para trás e cruzou na medida para Zé Carlos cabecear sem chances para Rafael.

1×2: São Paulo voltou a ficar na frente com Luciano. Após boas defesas de Jefferson Paulino, Igor Vinicius recebeu na direita e cruzou rasteiro para Luciano, que estufou as redes aos 34 minutos.

Novas chances do São Paulo na etapa final. Em duas oportunidades, aos 12 e 16 minutos do segundo tempo, Juan parou em Jefferson Paulino em finalizações na grande área.

Sustos. Perto do final do jogo, José Aldo recebeu na entrada da área e bateu firme para boa intervenção de Rafael, em dois tempos. Aos 40 minutos, o goleiro são-paulino praticou uma defesa segura em cabeceio de João Vialle após cobrança de escanteio.

2×2: Banho de água gelada nos tricolores. Zé Carlos aproveitou bate-rebate e finalizou, com desvio da marcação, no ângulo.

2×3: Lucas Moura recolocou o São Paulo na frente após pênalti polêmico. Juan foi derrubado na área pelo zagueiro do Ituano. O camisa 7 bateu no canto direito e deslocou Jefferson Paulino.

FICHA TÉCNICA

ITUANO 2 x 3 SÃO PAULO

Competição: 12ª rodada do Campeonato Paulista – Série A1 2024
Data e hora: 10 de março de 2024, às 16h (horário de Brasília)
Local: Estádio Municipal Dr. Novelli Júnior – Itu (SP)
Público: 42.608
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Rafael Tadeu Alves de Souza
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Cartões amarelos: Thonny Anderson (Ituano); Diego Costa (SPFC)
Cartões vermelhos: Bruno Alves (Ituano)
Gols: Ferreira (aos 18 minutos do primeiro tempo), Zé Carlos (aos 26 minutos do primeiro tempo e aos 44 do segundo), Luciano (aos 34 minutos do primeiro tempo) e Lucas (aos 52 minutos do segundo tempo)

São Paulo: Rafael; Igor Vinicius (Rafinha), Ferraresi, Arboleda e Welington; Bobadilla (Michel Araújo), Alisson e Lucas; Luciano (Diego Costa), Ferreira (James Rodríguez) e Calleri (Juan). Técnico: Thiago Carpini.

Ituano: Jefferson Paulino; Léo Duarte, Léo Oliveira (Bruno Alves), Marcel e Marlon; Vitão (Salatiel), Miquéias e Person (João Vialle); Vinicius Paiva (José Aldo), Zé Carlos e Thonny Anderson (Pablo Diogo). Técnico: Alberto Valentim

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado