fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Recuperado, Neymar jogará nesta sexta pelo PSG e poderá se apresentar a Tite

O atacante brasileiro se contundiu no jogo do fim de semana passado, diante do Reims, tendo passado por exames que detectaram uma leve contratura muscular na panturrilha direita

Avatar

Publicado

em

Foto: Ina Fassbender/ AFP
PUBLICIDADE

Neymar não será problema para o Paris Saint-Germain em seu próximo compromisso e, consequentemente, para a seleção brasileira em seus primeiros jogos nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022. Nesta quinta-feira, véspera do confronto com o Angers, o técnico Thomas Tuchel confirmou a escalação do atacante na partida, fora de casa, no PSG.

“É uma boa semana, estão todos em campo. Houve muita intensidade e boa mentalidade nos últimos dois treinos, por isso estou muito feliz. O retorno de Neymar Jr. e Idrissa Gueye são duas boas notícias para nós. Eles treinaram com intensidade, fazendo todos os exercícios com o grupo. Eles estão prontos, estão bem. Não há nenhum problema com eles”, declarou o treinador alemão.

O atacante brasileiro se contundiu no jogo do fim de semana passado, diante do Reims, tendo passado por exames que detectaram uma leve contratura muscular na panturrilha direita. Já o senegalês Gueye apresentava um desconforto muscular. Mas ambos serão utilizados nesta sexta-feira pelo PSG.

Na última quarta, Neymar foi absolvido em julgamento pela acusação de homofobia contra o zagueiro Álvaro González durante partida entre o PSG e o Olympique de Marselha – o espanhol também não recebeu qualquer punição pela acusação de racismo contra o brasileiro. Emissoras europeias também afirmaram que o atacante proferiu ofensas xenofóbicas ao lateral-direito japonês Sakai. Neymar foi expulso na partida por dar um tapa em González, tendo sido suspenso por dois jogos por esse ato.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Brasil vai estrear nas Eliminatórias no dia 9, diante da Bolívia, na Neo Química Arena, em São Paulo. Quatro dias depois, enfrentará o Peru, em Lima. E sem lesão, Neymar se apresentará ao técnico Tite no início da próxima semana.

Estadão Conteúdo




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade