Menu
Torcida

Borré se atrapalha, e Inter empata com Belgrano na estreia na Sul-Americana

Borré teve algumas das melhores chances da partida, mas não conseguiu marcar para o Inter

Redação Jornal de Brasília

02/04/2024 22h22

Reprodução/X

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

O Internacional estreou na Copa Sul-Americana com empate por 0 a 0 com o Belgrano, em Córdoba, na Argentina, nesta terça-feira (2), registrando o primeiro ponto no grupo C.

Borré teve algumas das melhores chances da partida, mas não conseguiu marcar para o Inter. Na melhor delas, o atacante colombiano ficou de frente para o gol vazio, mas se atrapalhou com a bola.

O Inter volta a jogar na semana que vem, de novo pela Sul-Americana. Na quarta-feira (10), o clube gaúcho recebe o Tomayapo.

COMO FOI O JOGO

Durante o primeiro tempo, o Inter jogou como se estivesse em casa. O time colorado dominou com posse de bola e criação de jogadas no campo de ataque, mas finalizou pouco e sem perigo.

Borré, a principal contratação do Inter no ano, não achou espaço para concluir as jogadas. O atacante se movimentou e até tentou buscar jogo fora da área, mas ficou devendo no toque final.

O Belgrano voltou mais atento para o segundo tempo, dando dois sustos seguidos com apenas um minuto de jogo. Primeiro, Passerini driblou Renê, mas isolou a finalização. Depois, Barinaga recebeu bola que passou por toda a defesa colorada, mas também chutou para fora.

Com muitas faltas e paradas, as chances de gol voltaram a surgir nos minutos finais de partida.

BELGRANO
Chicco; Barinaga, Moreno, Troilo, Meriano; Ariel Rojas (Heredia), Longo, Metilli (Lencioni), Lucco (Reyna); Passerini (Jara), Matías Suárez (Marín). Técnico: Juan Cruz Real.

INTERNACIONAL
Rochet; Bustos (Igor Gomes), Vitão, Fernando, Renê; Thiago Maia, Maurício (Gustavo Prado), Bruno Gomes (Bruno Henrique) e Wanderson (Wesley); Alan Patrick (Lucca) e Rafael Borré. Técnico: Eduardo Coudet.

Estádio: Mario Alberto Kempes, em Córdoba (Argentina)
Árbitro: Kevin Ortega (PER)
Assistentes: Michael Orué e Jesús Sánchez (PER)
VAR: Diego Haro (PER)
Cartões amarelos: Vitão, Anderson e Borré (INT); Barinaga e Longo (BEL)

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado