fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Bolsonaro, Moro e Damares viram a vitória do Flamengo no estádio

Jair Bolsonaro acompanhou a partida da Supercopa do Brasil, entre Flamengo e Athletico, no estádio Mané Garrincha, em Brasília

Avatar

Publicado

em

Foto: Adriano Machado/ REUTERS
PUBLICIDADE

Neste domingo (16), o presidente Jair Bolsonaro acompanhou a partida da Supercopa do Brasil, entre Flamengo e Athletico, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Junto com ele estavam osministros Sergio Moro (Justiça), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral da Presidência) e Tarcísio de Freitas (Infraestrutura). Mais cedo, quando saiu do Palácio da Alvorada, Bolsonaro atendeu alguns apoiadores e apostou no placar de 2 a 0 para o rubro-negro, mas não disse pra qual dos times seria. 

“Sempre uma grande emoção cantar o nosso hino”, foi o que o presidente tuitou Bolsonaro um pouco antes da partida acabar. A publicação mostra um vídeo gravado quando o hino nacional foi reproduzido no estádio 

A ministra Damares também usou o Twitter para postar uma foto com Bolsonaro e Moro acompanhada da legenda “Time de Bolsonaro literalmente em campo.”

A Supercopa do Brasil é um torneio com apenas uma partida entre os campeões brasileiro (Flamengo) e Copa do Brasil (Athlético) do ano anterior.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Flamengo antifascista”, era o que estava escrito em uma das faixas na torcida do Flamengo com o rosto da vereadora assassinada do Rio de Janeiro Marielle Franco 


Leia também
Publicidade