fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Torcida

Após sofrer com maratona em dezembro, Palmeiras pode ter janeiro ainda pior

Em janeiro, o Palmeiras fará no mínimo o mesmo número de jogos que fez em dezembro

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Palmeiras chegou à final da Copa do Brasil tendo de enfrentar o desgaste ocasionado por uma sequência de nove jogos em dezembro. Agora preparando-se para a semifinal da Libertadores, o time verá a maratona apenas aumentar no início de 2021 enquanto disputa decisões das duas competições de mata-mata.

Em janeiro, o Palmeiras fará no mínimo o mesmo número de jogos que fez em dezembro. A equipe já tem nove compromissos marcados, e esse número pode chegar a dez caso o time passe pelo River Plate e chegue à final da Libertadores. Por conta do calendário apertado pela pandemia do novo coronavírus, haverá casos de três jogos em uma semana.

Após a volta com o River Plate, dia 12/1, no Allianz Parque, o Palmeiras terá uma sequência corrida no Campeonato Brasileiro: enfrenta o Grêmio na sexta (15), o Corinthians na segunda (18) e o Flamengo na quinta seguinte (21). O Ceará é o rival na sequência, no domingo (24) e na última quarta do mês (27) será disputado o jogo com o Vasco atrasado da primeira rodada.

Caso o Palmeiras chegue à decisão da Libertadores, prevista para o dia 30, surgirá um novo problema de calendário: o duelo com o Botafogo, pelo Brasileirão, está marcado para o dia seguinte (31).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As finais da Copa do Brasil não têm mando de campo definidos, mas as datas estão confirmadas: 3 e 10 de fevereiro. Um possível título da Libertadores traria mais um problema de agenda, pois o Mundial de Clubes está marcado para ocorrer entre os dias 1º e 11 de fevereiro.

Até o momento, o técnico Abel Ferreira tem tentado levar as três competições como pode, mas o afunilamento no mata-mata deve obrigá-lo a jogar o Brasileirão com reservas. No campeonato, o time está em sexto, fechando o grupo de classificados à Libertadores e a 12 pontos do líder São Paulo, mas com uma partida a menos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Entre a vitória sobre o América-MG e o primeiro jogo com o River Plate, o técnico Abel Ferreira terá o maior intervalo para trabalho: seis dias. Desde que chegou, foram 17 partidas em 55 dias, média de uma a cada pouco mais de três dias.

Calendário do Palmeiras no início do ano
5/1 – River Plate (fora de casa) – Semifinal da Libertadores
9/1 – Sport (fora) – Campeonato Brasileiro
12/1 – River Plate (casa) – Semifinal da Libertadores
15/1 – Grêmio (casa) – Campeonato Brasileiro
18/1 – Corinthians (casa) – Campeonato Brasileiro
21/1 – Flamengo (fora) – Campeonato Brasileiro
24/1 – Ceará (fora) – Campeonato Brasileiro
27/1 – Vasco (casa) – Campeonato Brasileiro
*30/1 – Possível final da Copa Libertadores
31/1 – Botafogo (casa) – Campeonato Brasileiro
3/2 – Grêmio (a definir) – Final da Copa do Brasil
6 ou 7/2 – São Paulo (fora) – Campeonato Brasileiro
10/2 – Grêmio (a definir) – Final da Copa do Brasil
11, 12 ou 13/2 – Coritiba (fora) – Campeonato Brasileiro

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Folha Press




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade