Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Prefeito de São Simão é preso por suspeita de crime sexual

Assis Peixoto (PSDB) foi preso por suspeita de envolvimento em crime contra a dignidade sexual de uma menor

Foto: Reprodução/Facebook

Na tarde de quarta-feira (28), o prefeito de São Simão (GO), Assis Peixoto (PSDB), foi preso por suspeita de envolvimento em crime contra a dignidade sexual de uma menor. De acordo com a Polícia Civil, mais três mandados de busca e apreensão também foram cumpridos na cidade.

Por meio de uma nota, a assessoria de imprensa da prefeitura afirmou que as acusações são “infundadas”. O partido do prefeito ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

Segundo o promotor de Justiça Fabrício Lamas, o político foi detido em cumprimento de um mandado de prisão preventiva, em Goiânia. Não há mais detalhes sobre o caso, que corre em segredo de Justiça para proteger a vítima.

O Ministério Publico de Goiás (MP-GO) não divulgou os endereços dos mandados de busca e apreensão. O órgão disse que recebeu seis denúncias contra o prefeito.

Assis Peixoto (PSDB)

O político tem 58 anos e foi eleito com 40,65% dos votos. Assis Peixoto tem um patrimônio declarado de R$ 1,4 milhão. Ele é técnico em contabilidade , estatística, economia doméstica e administração.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar