Menu
Política & Poder

Justiça manda X remover post de Bolsonaro com montagem de Boulos e aplica multa de R$ 1 mil

Na postagem, Bolsonaro publica uma reportagem veiculada pelo site Metrópoles sobre dados de fugas em presídios

Redação Jornal de Brasília

15/05/2024 16h10

Foto: Banco de Imagens

A Justiça de São Paulo determinou que a plataforma X (antigo Twitter) remova uma publicação em até cinco dias que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) fez em 5 de maio usando a foto do deputado federal Guilherme Boulos (PSOL-SP) com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Caso não cumpra a decisão, publicada nesta terça-feira, 14, a plataforma será multada em R$ 1 mil por dia que a publicação permanecer no ar, com o limite de R$ 30 mil. O X foi procurado pelo Estadão, mas ainda não retornou.

Na postagem, Bolsonaro publica uma reportagem veiculada pelo site Metrópoles sobre dados de fugas em presídios. Na legenda, o ex-presidente escreve “maior mentiroso da história do Brasil em sua rotina diária”. A foto que ilustra a matéria original, no entanto, é de um presídio, e não de Lula com Boulos.

A ação foi protocolada pelo pré-candidato à Prefeitura de São Paulo na quinta-feira, 9. Boulos alega danos morais em razão de disseminação de desinformação. Na liminar (decisão provisória), a juíza Giselle Valle Monteiro da Rocha entendeu que o ato de adulterar a reportagem foi compatível a uma fake news.

Além da exclusão imediata da postagem, Boulos pediu uma indenização no valor de R$ 1 por visualização e de R$ 2 por compartilhamento da postagem, que não foram atendidas.

Estadão Conteúdo.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado