Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Política & Poder

Datafolha: No Rio, Lula tem 41% contra 34% de Bolsonaro no 1º turno

De acordo com o levantamento, o petista tem 41% da preferência do eleitorado, contra 34% do atual presidente

Por FolhaPress 01/07/2022 10h05
Foto: Reprodução

Italo Nogueira
Rio de Janeiro, RJ

O ex-presidente Lula (PT) lidera as intenções de voto para a Presidência da República no estado do Rio de Janeiro, base eleitoral do presidente Jair Bolsonaro (PL), pré-candidato à reeleição, de acordo com pesquisa divulgada nesta sexta-feira (1º) pelo Datafolha.

De acordo com o levantamento, o petista tem 41% da preferência do eleitorado, contra 34% do atual presidente. O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) aparece com 8%.

Na sequência aparecem Simone Tebet (MDB), com 2%, e, com 1% cada, Vera Lúcia (PSTU), André Janones (Avante), Sofia Manzano (PCB) e Felipe d’Avila (Novo). Foram citados, mas não alcançaram um ponto percentual Eymael (DC), Pablo Marçal (Pros), Leonardo Péricles (UP) e Luciano Bivar (União Brasil). O general Santos Cruz (Podemos) não foi citado.

Uma parcela de 7% declarou que pretende votar branco ou nulo e de 3% disse estar indecisa.

O estado do Rio de Janeiro é o terceiro colégio eleitoral do país, com 12,8 milhões de eleitores, o que representa 8,2% do eleitorado nacional.

A distância entre os dois principais pré-candidatos à Presidência registrada no levantamento no Rio de Janeiro é menor do que a apresentada na pesquisa nacional divulgada na semana passada. Nela, Lula tem 47% das intenções de voto contra 28% de Bolsonaro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento foi realizado entre quarta (29) e esta sexta-feira (1º), e entrevistou 1.218 eleitores no estado. Ele está registrado no TSE sob o número RJ-00260/2022 e BR-03991/2022.

Cerca de metade dos entrevistados (52%) declarou que não votaria de jeito nenhum em Bolsonaro. A rejeição ao presidente é mais alta entre os eleitores de 16 e 24 anos (62%) e os assalariados sem registro (66%).

O veto ao nome de Bolsonaro entre os fluminenses está em patamar semelhante ao registrado na pesquisa nacional do Datafolha, de 55%, divulgada na semana passada.

Lula, contudo, apresenta no Rio de Janeiro rejeição maior do que os 35% detectados no cenário nacional. Segundo o instituto, 42% dos eleitores fluminenses disseram não votar no petista de jeito nenhum, tendo atingido o maior nível entre empresários (79%), eleitores com renda familiar entre 5 e 10 salários mínimos (59%) e evangélicos (56%).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lula tem como principal palanque no estado o deputado federal Marcelo Freixo (PSB), pré-candidato ao governo. Com 22% das intenções de voto, Freixo está em empate técnico com o governador Cláudio Castro (PL), com 23%. Segundo a pesquisa Datafolha, 75% dos eleitores de Freixo optam por Lula.

Bolsonaro, por sua vez, é apoiado por Castro, que também tenta a reeleição. Embora declare apoio ao presidente, ele vem evitando se associar a algumas das bandeiras de inclinação golpista apresentadas pelo aliado.

De acordo com o levantamento, 63% dos eleitores do governador escolhem o presidente.

A aprovação da gestão do presidente no Rio de Janeiro é de 27%, segundo o Datafolha, enquanto outros 27% a consideram regular e 45%, ruim ou péssima. Os índices são semelhantes ao do cenário nacional.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE








Você pode gostar