Mundo

Vulcão Kelud entra em erupção

Por Arquivo Geral 03/11/2007 12h00

O vulcão Kelud, cure que se encontra no leste da ilha indonésia de Java, entrou hoje em erupção, confirmou a Agência de Meteorologia e Geofísica da Indonésia (BMG) à rede de televisão local “Metro TV”.

O vulcão, que estava em situação de alerta máximo há duas semanas, apresentava terremotos vulcânicos há mais de duas horas, que ainda continua, e a temperatura do lago que fica em sua cratera alcançou o máximo de 48 graus centígrados.

“Às 16h, foi registrado um forte tremor vulcânico que ainda continua”, disse Agus Budianto, responsável do Centro de Vulcanologia e Gestão de Riscos Geológicos de Bandung, que faz o acompanhamento do Kelud.

Segundo o especialista, “a temperatura a quinze metros de profundidade do lago da cratera subiu para 48 graus centígrados, o nível mais alto”. Essa temperatura é muito superior aos 39 graus que atingiu durante a última explosão do vulcão, em 1990.

Este e outros indicadores podem ser um indício que desta vez a erupção do Kelud poderia ser mais forte, segundo Budianto, que disse que os rios de lava poderiam chegar a cobrir um raio de até dez quilômetros da cratera.

O vulcão, de 1.713 metros de altura, estava em estado de alerta máximo há duas semanas, o que provocou a retirada de milhares de pessoas.

Os serviços sismológicos registraram na noite da sexta-feira centenas de terremotos vulcânicos no interior do vulcão, considerado um dos dez mais perigosos do mundo.

Sua última erupção, em 1990, deixou 34 mortos. Em 1919, aconteceu uma erupção mais grave, com a morte de cerca de 5 mil pessoas.






Você pode gostar