Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Estudo preliminar aponta que a Covid perde 90% da capacidade de infectar em 20 minutos

A pesquisa reforça a necessidade do uso de máscaras, principalmente em locais fechados

Foto: Governo de SC

Pesquisadores britânicos enviaram um estudo para a plataforma medRxiv sobre a infecção pela covid-19. De acordo com a pesquisa, vírus perde 90% da sua capacidade de infectar 20 minutos depois de entrar em contato com o ar, com a maior perda ocorre nos primeiros cinco minutos.

A temperatura do ar não fez diferença para a infectividade medida pelo estudo divulgado na segunda-feira (10). O estudo preliminar ainda não revisado por pares.

Em entrevista ao The Guardian, o pesquisador Jonathan Reid, da Universidade de Bristol, explicou de forma didática o resultado do estudo.

“Significa que se eu for me encontrar com amigos em um pub hoje, o [risco] primário é provavelmente eu transmitir para meus amigos, ou meus amigos transmitirem para mim, em vez de [o vírus] ser transmitido por alguém no outro lado da sala”.

A pesquisa reforça a necessidade do uso de máscaras, principalmente em locais fechados.








Você pode gostar