Mundo

Em razão da nova cepa, Itália suspende voos vindos do Brasil

Quem transitou pelo Brasil nos últimos 14 dias também está proibido de entrar na Itália

Passageiros e funcionários circulam vestindo máscaras contra o novo coronavírus (Covid-19) no Aeroporto Internacional Tom Jobim- Rio Galeão. (Fernando Frazão/Agência Brasil)

A Itália está suspendendo voos originários do Brasil, anuncia o ministro da Saúde italiano, Roberto Speranza. A medida publicada neste sábado por meio de portaria terá validade a partir do dia 31 de janeiro e é uma resposta, segundo o governo italiano, à nova cepa de coronavírus, que teria sido detectada no País e dado origem à explosão de casos no Estado do Amazonas. Quem transitou pelo Brasil nos últimos 14 dias também está proibido de entrar na Itália, disse Speranza.

A princípio, o bloqueio vai valer até o final de janeiro. O governo italiano informou que os seus cientistas estão estudando a nova variante para realizar uma abordagem mais cautelosa.

O Reino Unido também tomou a mesma medida na última quinta-feira (14) e proibiu a entrada dos voos vindo do Brasil e de outros 14 países.

A Itália registra 2,36 milhões de casos e 81,8 mil mortes por coronavírus, de acordo com os dados compilados até a última quinta-feira (14) pela Universidade Johns Hopkins.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar