Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Acidentes de metrô no mundo com mais vítimas desde 1975

28 de outubro de 1995 – AZERBAIJÃO: 292 pessoas morreram e 168 ficaram feridas em um incêndio em um trem do metrô de Baku

Foto: AFP

Ao menos 20 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas na segunda-feira quando um trem do metrô caiu de um viaduto que desabou na Cidade do México.

A seguir, uma lista de grandes acidentes em linhas de metrô de todo o mundo nas últimas quatro décadas:

  • 15 de julho de 2014 – RÚSSIA: Ao menos 22 pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas no descarrilamento de um trem no metrô de Moscou no horário de pico.
  • 22 de junho de 2009 – ESTADOS UNIDOS: Uma colisão frontal entre dois trens do metrô de Washington deixou nove mortos e mais de 70 feridos.
  • 3 de julho de 2006 – ESPANHA: Um trem do metrô de Valencia que viajava com o dobro do limite de velocidade, que era 40 km/h, descarrilou, um acidente que deixou 43 mortos e 39 feridos.
  • 18 de fevereiro de 2003 – COREIA DO SUL: Um incêndio iniciado por um homem que tentava cometer suicídio atingiu dois trens do metrô. A tragédia matou 198 pessoas e deixou 147 feridas em Daegu, sudeste do país.
  • 28 de outubro de 1995 – AZERBAIJÃO: 292 pessoas morreram e 168 ficaram feridas em um incêndio em um trem do metrô de Baku que estava entre duas estações.
  • 18 de novembro de 1987 – GRÃ-BRETANHA: Um incêndio em uma escada rolante da estação de metrô King’s Cross de Londres matou 31 pessoas e feriu 150.
  • 4 de fevereiro de 1977 – ESTADOS UNIDOS: Em Chicago, um trem que passava por um viaduto caiu depois de ser atingido por outro trem. Onze pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas.
  • 20 de outubro de 1975 – MÉXICO: Na Cidade do México, a colisão entre dois trens do metrô deixa 23 mortos e 55 feridos.

© Agence France-Presse






Você pode gostar