Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Mundo

Acidente em mina de carvão na Rússia deixa pelo menos 6 mortos, 43 feridos e 49 desaparecidos

“43 feridos foram transferidos para o Centro de Saúde dos Mineiros. Dois deles, em estado grave (…). Uma pessoa morreu”

Pelo menos seis mineiros morreram, outros 43 ficaram feridos e 49 estão desaparecidos após um acidente em uma mina de carvão na região russa de Kemerovo, região oeste da Sibéria, Rússia, nesta quinta-feira, 25, informaram autoridades regionais.

“43 feridos foram transferidos para o Centro de Saúde dos Mineiros. Dois deles, em estado grave (…). Uma pessoa morreu”, escreveu o governador, Sergei Tsiviliov, incialmente em seu canal do Telegram, durante passagem pela mina danificada, a Listviázhnaya. Em seguida, o número de vítimas subiu para 6.

Conforme o departamento regional do Ministério Russo para Situações de Emergência, no momento do acidente 285 trabalhadores estavam no local, mas 236 já haviam sido evacuados. As equipes de socorro começaram o trabalho de resgate para os 49 mineiros restantes.

Segundo fontes da administração da mina, um incêndio ocorreu a 250 metros de profundidade provocado por uma explosão no sistema de ventilação.

O último acidente grave nesta mina ocorreu em 2004, quando uma explosão matou treze trabalhadores. A Listviázhnaya começou a ser explorada em 1956 com o nome de Gramoteinskaya 1-2.








Você pode gostar