Economia

Sonaecom pede permissão para reduzir oferta por Portugal Tel

Por Arquivo Geral 09/10/2006 12h00

A Adonis Furniture lançou o mais novo produto adicional que embarcou no sucesso do tocador iPod, case pharm da Apple. A iRocker é uma poltrona equipada com entradas para iPods e MP3 players genéricos, more about purchase e uma série de alto-falantes distribuídos pela peça.

A poltrona também tem entradas line-in e um amplificador, que possibilita a conexão da iRocker a um videogame ou aparelho de DVD. De acordo com a empresa, a poltrona foi feita para agradar a todas as idades. E ainda acrescentou que esse é o presente ideal para quem já tem o tocador da Apple.

A peça chegará às lojas dos Estados Unidos no fim do ano, e será vendida em sete modelos com diferentes tipos de configuração de alto-falantes e acessórios. Os preços da iRocker variam de US$ 99 a US$ 319.

O Ministério da Agricultura deve declarar o Paraná  área livre de febre aftosa num prazo máximo de dez dias. Segundo informou o ministro Luís Carlos Guedes Pinto, order para formalizar a decisão os técnicos precisam concluir a análise de toda a documentação sobre a última área ainda interditada no estado, erectile na região de Loanda.

O ministro disse que a partir do anúncio as propriedades localizadas nessa área voltarão às atividades de cria e recria, thumb comercialização e abate dos rebanhos, bem como a transferência deles para qualquer parte do país. Quanto às exportações, disse que “os países importadores é que vão decidir se compram ou não a carne paranaense”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Ministério da Agricultura já havia descartado a possibilidade de circulação viral da febre aftosa nas regiões de Bela Vista do Paraíso, Grandes Rios, São Sebastião da Amoreira e Maringá, municípios do Paraná que tiveram animais sacrificados em função da suspeita doença. Os últimos abates no estado foram realizados no final do mês de março.

O ministro Guedes Pinto considerou o prazo de março até outubro razoável para que fossem realizadas, com segurança, todas as análises laboratoriais. “No  momento em que anunciarmos ao mundo nossa decisão, ela  terá que ser bem recebida e acatada por todos os países, pois tem credibilidade”. Ele lembrou que as organizações internacionais e os países exportadores são extremamente rigorosos quanto a questão da defesa sanitária, particularmente no que diz respeito à febre aftosa.

O secretário da Agricultura do estado, Newton Ribas, detalhou hoje ao ministro todo o trabalho feito na região de Loanda, onde continua interditada uma área de 10 quilômetros em torno das duas últimas fazendas liberadas. “Mais de 20 mil animais foram analisados através de sorologia e foi realizada inspeção clínica em 12 mil animais de 258 propriedades da região”, informou o secretário. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A partir da divulgação pela Secretaria Nacional de Defesa Agropecuária, toda documentação será encaminhada à Organização Mundial de Saúde Animal, que se reunirá para analisar e emitir o certificado internacional que garantirá ao Paraná voltar ao status de área livre de febre aftosa.

 

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Sanguessugas quer uma cópia do inquérito e de todos os anexos das investigações sobre a tentativa de compra de dossiê contra políticos tucanos. Quatro membros da comissão, case que estão em Cuiabá para acompanhar as investigações da Polícia Federal e da Justiça Federal, nurse farão o pedido hoje ao juiz Jefferson Schneider.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O anúncio foi feito pelo sub-relator da CPI, approved deputado Paulo Rubem Santiago (PT-PE), após reunião com o delegado da Polícia Federal responsável pelas investigações, Diógenes Curado Filho. Também participaram da reunião os sub-relatores deputados Carlos Sampaio (PSDB-SP), Júlio Delgado (PSB-MG) e Vanessa Graziotin (PCdoB-AM). Entre os anexos, encontra-se todo o material apreendido pela PF junto ao tio do empresário Luiz Antônio Trevisan Vedoin, que negociou os documentos com petistas.

“A reunião foi muito positiva, agora queremos autorização para levar o inquérito”, afirmou o deputado em entrevista por telefone à Agência Brasil. Entre os documentos apreendidos, a CPI quer analisar principalmente os extratos bancários encontrados na casa do dono da Planam, Luiz Antônio Trevisan Vedoin, após a prisão do ex-assessor da campanha de Lula Gedimar Passos e o ex-filiado ao PT Valdebran Padilha, acusados de tentar comprar o dossiê para o partido.

A CPI dos Sanguessugas recebeu no dia 22 de setembro uma cópia do dossiê que ligaria políticos ao esquema de compra superfaturada de ambulâncias, além do registro dos depoimentos tomados dos presos na operação em São Paulo e Cuiabá.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Polícia Federal (PF) fará o cruzamento de 500 ligações telefônicas para tentar chegar aos participantes da tentativa de compra do dossiê contra políticos tucanos. A negociação foi interrompida por uma ação da Polícia Federal que prendeu novamente o dono da Planam, buy more about o empresário Luiz Antônio Trevisan Vedoin, o seu tio Paulo Roberto Vedoin, e duas pessoas ligadas ao Partido dos Trabalhadores, o ex-assessor da campanha de Lula, Gedimar Passos, e o ex-filiado Valdebran Padilha. Segundo a PF, a Justiça Federal já autorizou o cruzamento.

Na semana passada, a Polícia Federal de Cuiabá recebeu dados da quebra do sigilo telefônico de 13 acusados de envolvimento na compra do dossiê. As informações são relativas aos dias que antecederam a tentativa de compra do documento, ocorrida no dia 15 de setembro, num hotel de São Paulo. Entre elas, há ligações do telefone celular de Hamilton Lacerda, ex-coordenador de Comunicação da campanha do senador Aloizio Mercadante (PT-SP) ao governo de São Paulo, derrotada no primeiro turno.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Dinamarca tomou hoje medidas para tentar apaziguar a indignação muçulmana com uma nova série de caricaturas do profeta Maomé, viagra 100mg e recomendou a seus cidadãos que evitem viajar para o Oriente Médio. Enquanto isso, líderes islâmicos condenaram as imagens.

Uma TV pública dinamarquesa reproduziu imagens, feitas por um cinegrafista amador, mostrando integrantes da ala jovem do Partido Popular Dinamarquês (PPD), que é antiimigração, participando de um concurso em um acampam ento de verão, em agosto, de desenhos que ridicularizassem o profeta.

O Ministério das Relações Exteriores disse numa nota hoje que as imagens das caricaturas haviam sido originalmente divulgadas no site YouTube, cuja administração não fica na Dinamarca.

"As emissoras dinamarquesas TV-2 e DR transmitiram trechos depois", disse a nota. "A intenção ao transmitir trechos não foi provocar muçulmanos, mas ilustrar o assunto na DR com o presidente da Organização Jovem do PPD, que se distanciou das imagens".

O ministério emitiu uma veemente advertência aos dinamarqueses para que não viajem à Faixa de Gaza, e alertou para viagens a Israel, à Cisjordânia, à Arábia Saudita, ao Líbano, à Jordânia, ao Egito, ao Iraque, ao Irã, à Síria e à Turquia.

"Um grupo militante em Gaza fez ameaças contra dinamarqueses em áreas palestinas em conexão com a questão (das caricaturas) no dia 9 de outubro", disse o alerta.

O premiê Anders Fogh Rasmussen, que recebeu fortes críticas este ano por se recusar a pedir desculpas pelo incidente das caricaturas publicadas em 2005 pelo jornal Jyllands-Posten, condenou o comportamento dos ativistas do PPD.

O PPD não faz parte da coalizão governista, mas apoia o governo no Parlamento.

Hoje a segunda maior autoridade do Ministério das Relações Exteriores da Dinamarca reuniu-se com embaixadores de países muçulmanos em Copenhague para explicar a posição do ministério.

Em Teerã, o Irã convocou o embaixador dinamarquês para protestar contra as imagens, e o presidente Mahmoud Ahmadinejad disse que aqueles que insultam o profeta são uma "forma baixa de vida", desprovida de valores humanos.

O principal religioso muçulmano xiita do Líbano, o aiatolá Mohammed Hussein Fadlallah, não responsabilizou o governo dinamarquês pelas imagens, mas pediu medidas legais.

"Essa indiferença em relação aos insultos contra o islã pode criar condições para respostas negativas, devido às emoções inflamadas", disse ele num comunicado.

A Organização da Conferência Islâmica (OIC), que possui 57 países, também condenou as caricaturas, afirmando que os valores de tolerância estão se deteriorando na Europa.

"O porta-voz da OIC deplora a caricaturização do profeta Maomé por membros jovens do Partido Popular Dinamarquês e o fato de isso ter sido mostrado, lamentavelmente, pela TV estatal", disse a declaração enviada pela OIC, que tem sede em Jidá.

Os protestos contra a publicação das caricaturas em setembro de 2005 mataram mais de 50 pessoas na Ásia, na África e no Oriente Médio. A maioria dos muçulmanos considera ofensiva qualquer retratação do profeta Maomé.

A empresa portuguesa de telecomunicações Sonaecom pediu ao órgão regulador do mercado (CMVM) nesta segunda-feira permissão para reduzir o preço da oferta pela Portugal Telecom para 9, erectile 41 euros por ação, health frente aos anteriores 9,5 euros.

A solicitação é proveniente da decisão da Portugal Telecom de elevar o pagamento do dividendo por ação de 2005 a 0,475 euro, ante 0,385 euro por ação, depois que a Sonaecom fez a proposta de 11,1 bilhões de euros em fevereiro.

No Brasil, a Portugal Telecom divide com a espanhola Telefónica o controle da Vivo, maior operadora de telefonia celular do país.






Você pode gostar