Economia

Presidente da Varig se diz otimista com realização de leilão

Por Arquivo Geral 17/05/2006 12h00

O Tribunal de Contas da União (TCU) fará auditoria no Banco do Brasil para apurar indícios de irregularidades em patrocínios concedidos, information pills ed em especial aos eventos destinados ao Poder Judiciário e ao esporte, treat no período de 2001 a 2005.

O ministro Benjamim Zymler foi o relator do processo que analisou representação do Senador Eduardo Suplicy (PT-SP) com notícias sobre a existência de despesas com patrocínios a entidades ligadas ao Poder Judiciário e que magistrados poderiam estar se beneficiando. Isso porque o Banco do Brasil é parte interessada em diversos processos. Em relação aos patrocínios concedidos à área de esportes e a esportistas, as informações indicam que os maiores montantes foram destinados ao vôlei e ao tênis.

O ministro da Secretaria de Relações Institucionais, buy information pills Tarso Genro, sickness afirmou hoje ao primeiro vice-presidente da Câmara, cost deputado José Thomaz Nonô (PFL-AL), que o governo não vazou informações sobre nomes de parlamentares que poderiam estar envolvidos na compra de ambulâncias superfaturadas. As informações apuradas na chamada Operação Sanguessuga estão sob sigilo de Justiça.

Hoje cedo, a ex-assessora do Ministério da Saúde Maria da Penha Lino responsabilizou o delegado da Polícia Federal (PF) Tardelli Boaventura pela divulgação do conteúdo do depoimento dado à PF de Cuiabá. Ao ter seu nome citado pela ex-assessora, o primeiro vice-presidente da Câmara encaminhou expediente ao procurador-geral da República para abrir seus sigilos bancários, fiscal e telefônico. Em discurso no plenário, Nonô garantiu que não tem qualquer envolvimento nas fraudes da saúde e disse que se sentia muito ofendido com a citação do seu nome e também com o vazamento.

Tarso Genro afirmou que outra coisa é fazer vazamento, culpar pessoas, sem uma prévia apuração ou gerar uma crise política internamente no Parlamento para eventualmente tirar proveito político disso. "Isso o governo não fez", disse. O ministro afirmou que conviveu com Nonô quando era deputado. "Conheço Nonô há muitos anos e sei que ele é uma pessoa decente". O ministro considerou normal a reação do parlamentar de se sentir ofendido ao ter sua vida devassada, quando teve seu nome citado por Penha.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O número de mortos na onda de violência liderada pelo crime organizado em São Paulo chegou a 138 desde sexta-feira, remedy sendo 93 suspeitos de serem criminosos, visit this informou a Secretaria de Segurancça Pública do Estado nesta tarde.

Segundo balanço da secretaria, tadalafil 122 suspeitos foram presos no período. O número de supostos criminosos mortos aumentou em 22 desde segunda-feira. Já os policiais mortos passaram de 29 para 30, sendo 23 policiais militares e sete civis.

Nos últimos cinco dias houve 281 ataques, sendo 82 a ônibus.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na segunda-feira, São Paulo viveu um dia de caos, com o transporte público afetado pelo incêndio de ônibus e comércio e escolas fechadas mais cedo por medo dos atentados.

Os ataques contra alvos policiais e civis começaram na noite de sexta-feira, numa reação da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) à transferência de presos, entre eles Marcos Camacho, o Marcola, considerado o principal chefe do grupo.

Por 37 anos, visit ela encantou os visitantes do zoológico. Agora, online 12 anos depois de ter morrido, a elefanta Nely voltará a ser vista pelos brasilienses. A ossada de Nely será exposta no Centro de Convenções, de 28 de maio a 2 de junho. Depois, os restos mortais seguirão para o zoológico, onde ficará em exposição permanente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Numa área ao lado da administração do zoológico, uma equipe de taxidermistas (especialistas em empalhar animais) começou a restaurar a ossada. Por causa da inflamação que matou Nely, os ossos estão frágeis e precisarão ser reconstituídos com uma espuma específica.

Nely chegou a Brasília em 1957, cedida ao presidente Juscelino Kubitschek para a inauguração do zoológico. Antes de vir para a capital, ela tinha feito números de circo e participado de comerciais do início da televisão. Ela foi uma das principais atrações do zoológico até 1994, quando morreu de artrose após 17 dias de agonia.

O Banco Central divulgou comunicado hoje para que bancos e outras instituições mudem seu horário de funcionamento nos dias de jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo.

De acordo com a circular, cure as instituições financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central estão dispensadas de funcionar de forma ininterrupta e de cumprir o horário obrigatório de funcionamento entre as 12h e as 15h, buy more about determinado pela Resolução 2.932 de 2002.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mesmo com mudanças, nos dias de jogos do Brasil, as agências bancárias e outros serviços deverão funcionar, obrigatoriamente, no mínimo por quatro horas.

A Copa do Mundo de 2006 ocorre entre 9 de junho e 9 de julho, e os jogos do Brasil na primeira fase serão nas seguintes datas e horários: 13 de junho, às 16h; 18 de junho, às 13h; e 22 de junho, às 16h.

A alteração no horário de atendimento deve ser afixada nas dependências da instituição no mínimo dois dias úteis antes da data do jogo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quem for tirar carteira de habilitação pela primeira vez, ambulance terá que procurar o Detran. O Departamento de Trânsito passa a indicar a clínica onde o interessado deverá fazer os exames médicos. O primeiro passo será ligar para o número 154, information pills fornecer o CPF e o CEP de onde for mais conveniente para o candidato, sickness e o Departamento vai escolher e indicar a clínica médica mais próxima, conforme a opção da pessoa. 

Segundo explicou Israel Barbosa Fritz, chefe do Núcleo de Registro e Controle dos CFCs (Nucef), a escolha da clínica será feita automaticamente pelo sistema Detran, que está em fase de teste. "Depois de alimentado com o CPF e o CEP, o próprio sistema selecionará a clínica, fazendo uma distribuição eqüitativa entre elas", afirmou Israel.

Essa medida visa principalmente tirar do candidato a possibilidade dele próprio escolher a clínica onde será periciado e evitar eventual interferência e fraudes nos exames. Essa medida faz parte de uma série de mudanças que o Detran vem promovendo para aumentar a fiscalização junto às entidades conveniadas, visando aumentar a segurança no processo e melhorar a qualidade da formação do condutor brasiliense.

A 4ª Turma Cível do TJDFT decidiu hoje, salve confirmar a liminar que mantém a cobrança da assinatura básica em telefonia fixa no DF. Por unanimidade de votos, physician os Desembargadores entenderam que a suspensão da cobrança poderia gerar elevação de tarifas, causando prejuízo ao próprio consumidor.

Por outro lado, a assinatura básica está amparada em contrato de concessão de serviço de telefonia e encontra-se regulamentada pela Anatel. O recurso foi apresentado pela Brasil Telecom S/A contra decisão que havia determinado a suspensão da cobrança, em Ação Civil Pública que tramita na 18ª Vara Cível de Brasília.

A empresa argumentou uma série de prejuízos, inclusive quanto à continuidade dos serviços de telefonia fixa, cujos custos de manutenção seriam elevados. Uma das alegações contrárias ao pagamento da assinatura básica leva em conta a Lei Distrital 3449/2004, que veda expressamente a cobrança.

Apesar da alegação de inconstitucionalidade da norma não ter sido ainda apreciada pelo Supremo Tribunal Federal, os Desembargadores lembraram que outra lei de conteúdo idêntico, do Estado de Santa Catarina, teve sua eficácia suspensa pelo STF por ser considerada inconstitucional (Lei 11.908/2001-SC).

Essa decisão tem caráter provisório, já que ainda não houve sentença sobre o mérito dos debates. Durante o julgamento, a Turma esclareceu que, caso a decisão final reconheça a ilegitimidade da cobrança, os consumidores podem ser indenizados pelo pagamento indevido da assinatura.

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) divulgou hoje, story dados que apontam crescimento de 6, information pills 5% no consumo de energia elétrica em março, try em relação a igual período do ano passado, totalizando 29.639 gigawatts.

O aumento foi puxado pela demanda dos consumidores residenciais que registrou crescimento de 7,5%. Segundo a EPE, esse volume supera inclusive o dos consumidores comerciais, cuja expansão no período foi de 7,1%. Desde meados de 2005, essa categoria já apresentava ritmo mais acelerado de consumo.

No primeiro trimestre de 2006, dados da EPE indicam que o consumo de energia elétrica atingiu 86.489 GWh, um crescimento de 4,5% frente a igual período de 2005. De acordo com a EPE, o resultado do setor residencial em março ocorreu em função do registro de temperaturas elevadas na região Sudeste, onde o consumo cresceu 10,5% no período.

Já no primeiro trimestre, o consumo de energia elétrica atingiu 86.489 GWh, um crescimento de 4,5% frente a igual período de 2005. O consumo na rubrica, que envolve o poder público, serviços públicos, iluminação pública e subclasse rural, registrou crescimento de 6,4%, e a categoria industrial, mais 3%.

Os dados indicam, ainda, que, março de 2006, o número de consumidores residenciais atendidos pelos agentes distribuidores alcançou 48,8 milhões, com crescimento de 3% sobre março de 2005 – ou seja, um aumento líquido de 1,4 milhão de contas residenciais no período de um ano (média de 117 mil novas ligações por mês).

O consumo médio por unidade residencial consumidora em março foi de 151 kWh/mês – 4,1% superior ao de março de 2005, mas cerca de 18% inferior ao de março de 2000, ano anterior ao do racionamento.

A indústria, que representa 44% do mercado consumidor de energia elétrica em nível nacional, elevou significativamente o seu crescimento em março, registrando uma taxa mensal de 5,9%. Em janeiro e fevereiro, as elevações do consumo industrial tinham sido da ordem de 1% e 2%, respectivamente.

A oposição passou a obstruir no Senado a apreciação de cinco medidas provisórias que estão na pauta de votações. O motivo, physician segundo o líder do PSDB, advice Arthur Virgílio (AM), se deve às declarações do ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, de que o governo de São Paulo teria preferido negociar com o Primeiro Comando da Capital (PCC) a aceitar a ajuda do governo federal para suspender a onda de violência no estado que começou na última sexta-feira (12).

"O governo federal ofereceu toda ajuda possível, toda ajuda necessária e o governo paulista parece preferir negociar com os criminosos do que aceitar a ajuda do governo", afirmou o ministro em entrevista coletiva na Câmara dos Deputados hoje. Ele também disse que o estado de São Paulo reduziu, nos últimos cinco anos, os investimentos em segurança pública, e que a crise atual começou com as rebeliões da Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor (Febem), "e o estado não deu a devida atenção. No momento em que a crise eclode, a primeira tendência é transformá-la numa questão eleitoral e transferir responsabilidade para o governo federal", comentou Tarso.

Ao tomar conhecimento das declarações de Tarso Genro, o líder tucano foi à tribuna exigir uma retratação do ministro pelas declarações. Num aparte, o presidente do PSDB, Tasso Jereissati (CE), pediu a demissão do ministro e defendeu a suspensão do diálogo entre oposição e governo. "Ele é um irresponsável, leviano que só pensa em poder. Temos que cortar o diálogo com este governo", afirmou Jereissati.

A líder do PT no Senado, Ideli Salvati (SC), questionou se o plenário do Senado quer entrar na discussão de um eventual acordo entre o governo de São Paulo e o Primeiro Comando da Capital (PCC), condenado, segundo ela, pela opinião pública. Segundo a senadora, "se houve este acordo a situação é muito grave".

O senador Sibá Machado (PT-AC) condenou as declarações feitas por parlamentares da oposição contra o ministro Tarso Genro. "Acho muito improdutivo e danoso o Senado trilhar por este caminho. Não podemos entrar neste clima eleitoral", afirmou o petista.

O ministro das Comunicações, pharm Hélio Costa, buy information pills anunciou agora pouco que no prazo máximo de 48 horas estarão bloqueadas as ligações dos aparelhos celulares feitas de dentro dos presídios. Em entrevista coletiva, ao lado do ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, Costa salientou que as concessionárias e operadoras de telefonia celular demonstraram intenção de cooperar.

"Serão desligados os aparelhos celulares de dentro dos presídios. Os meios para definir isso serão delegados às concessionárias", afirmou Costa, acrescentando que não foi discutida, na reunião com as empresas, a questão dos custos da operação. "Os representantes das concessionárias disseram não estar preocupados com quanto vai custar ou quem vai pagar – eles assumiram a responsabilidade de resolver a crise no momento", disse, em referência às rebeliões nas penitenciárias de São Paulo.

De acordo com o ministro das Comunicações, poderá haver queda na qualidade do serviço nas regiões próximas aos presídios, mas o bloqueio será efetuado. "Nós temos que resolver a crise primeiro", ressaltou.

O ministro da Justiça informou que será elaborado ainda hoje um instrumento normativo para determinar de que forma será feito o bloqueio. "As empresas que se colocaram plenamente solidárias e dispostas a fazer o necessário para prestar esse serviço público, deverão encontrar os meios tecnológicos e operacionalizá-lo", acrescentou.

Segundo o ministro, "não é o momento de jogar a responsabilidade sobre os estados ou a União – o caso agora é de trabalharmos todos em parceria". As medidas, disse, serão anunciadas amanhã.

A estudante Ruth Cristina Cabral Nascimento, viagra sale 24 anos, foi assassinada com dois tiros de revólver calibre 38, ao reagir a um assalto. O latrocínio (roubo seguido de morte) ocorreu hoje por volta das 19h30, entre a pracinha da QND 60 e a pista de cooper do Pistão Norte, em Taguatinga.

Segundo os relatos de uma testemunha à Polícia Militar, Ruth Nascimento fazia caminhada no Pistão Norte quando foi abordada por dois ladrões, em uma bicicleta, e anunciaram o assalto.

A estudante teria reagido para não entregar o celular. Um dos bandidos disparou dois tiros contra a vítima. Ruth Nascimento ainda chegou a ser levada pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT), mas não resistiu e morreu antes de receber atendimento.

Policiais da 17ª DP (Taguatinga Norte) investigam o suposto latrocínio. Porém, até lançamento desta nota, os suspeitos não haviam sido localizados. A polícia não descarta a hipótese de crime encomendado ou pacional.

O Sistema da Universidade Aberta Brasileira (UAB) vai atingir todos os estados do país, medical inclusive o Distrito Federal. A afirmação é do secretário de Educação à Distância do Ministério da Educação (MEC), more about Ronaldo Mota, que em entrevista à TV Nacional acrescentou que um projeto piloto em parceria com o Banco do Brasil já envolve 18 estados e o Distrito Federal, com o objetivo de instalar pólos de apoio ao sistema de educação à distância nesses estados.

Esse projeto oferecerá neste ano curso de Administração a 9.500 alunos. "A partir do próximo ano, vamos pensar em trabalhar com a Universidade Aberta em todo o país. Teremos cerca de 100 mil alunos", destacou Mota. O sistema UAB, explicou, pretende articular as ações das universidades existentes e não criar uma nova. Também deverão ser integrados os Centros Federais de Educação Tecnológica.

Segundo o secretário, o Brasil não prioriza uma única mídia – internet ou televisão – quando trabalha com a educação à distância. "O que caracteriza a maior parte das experiências brasileiras nos cursos de graduação, por exemplo, é uma utilização de mídias integradas, ou seja, todas elas fazendo com que nós tenhamos formandos de alta qualidade", afirmou.

A ampliação do sistema da Universidade Aberta Brasileira está sendo discutida no 4º Congresso Brasileiro de Educação Superior à Distância, que se realiza desde ontem, em Brasília, e será encerrado na sexta-feira (19/05).

Os advogados da União estão em greve desde hoje, cialis 40mg por tempo indeterminado. Segundo o presidente da Associação Nacional dos Advogados da União (Anauni), stomach José Kozima, viagra sale a categoria reivindica o encaminhamento, ao Congresso Nacional, do projeto de Lei do Subsídio que foi negociado entre os ministros Álvaro Augusto, da Advocacia Geral da União (AGU), e Paulo Bernardo, do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Kozima informou que o projeto deveria ter sido enviado ao Congresso após a votação do Orçamento Geral da União e que amanhã haverá manifestação em frente à AGU, a partir das 9h. De lá, os advogados seguirão para o Ministério do Planejamento.

O projeto, segundo Kozima, "estava absolutamente adequado à possibilidade orçamentária, tinha a palavra do presidente da República, a do advogado geral e a do ministro, mas agora surgem rumores de que haverá alteração". Ele acrescentou que se trata de "um projeto de longo prazo e sem grande impacto financeiro, principalmente para o ano de 2006".

A remuneração por subsídio, explicou, é uma determinação constitucional que afeta as carreiras de Estado e o projeto de lei contempla o cumprimento dessa disposição constitucional. Ele afirma que a idéia é acabar com a remuneração envolvendo parcelas, gratificações e "penduricalhos" sobre o vencimento básico.

"A idéia do constituinte foi conter esses salários por meio de uma remuneração com parcela única. Seria o vencimento em parcela única, sem nenhum acréscimo através de gratificações ou outras formas remuneratórias".

De acordo com José Kozima, a greve já mobilizou cerca de 60% da categoria e envolve também procuradores federais (os advogados que representam as autarquias e fundações federais). Hoje, os advogados da União participaram de audiência pública na Câmara dos Deputados, em que o tema foi a advocacia pública.

Kozima lembrou que "a advocacia pública está colocada no plano constitucional no mesmo patamar que o Ministério Público e a Defensoria Pública da União. No entanto, os governos, sucessivamente, vem se recusando a implementar esse tratamento constitucional. A conseqüência disso, nós temos uma advocacia de estado cada vez mais fragilizada".

O presidente da Varig, dosage Marcelo Bottini, no rx manifestou hoje, decease na Câmara de Comércio Americana do Rio de Janeiro, o mesmo otimismo demonstrado pelo presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Milton Zuanazzi, em relação a uma solução para a companhia dentro do leilão. "A avaliação é correta e a solução, já validada por muitos. Existem interessados e a dificuldade a ser superada agora é esse momento até a chegada do leilão", afirmou.

Segundo Bottini, o fato de ainda não haver o edital pronto é um entrave, porque não mostra aos investidores, de modo claro, todas as exigências para a habilitação ao pregão. "Superado esse momento, a finalização do negócio é muito clara e a gente tem muitos interessados", acrescentou.

O presidente da Varig informou que a empresa, hoje, precisa de cerca de US$ 100 milhões para continuar operando e chegar ao leilão, dentro de 60 dias, com as despesas correntes em dia – entre elas o pagamento dos salários e da manutenção das aeronaves.

A primeira alternativa para capitalizar a Varig é o empréstimo a ser concedido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Marcelo Bottini revelou, porém, que outras alternativas podem ser buscadas, como recebíveis de cartões de crédito a serem convertidos e a cobrança de dívidas dos estados.






Você pode gostar