Economia

Presidente chinês adverte no Fórum de Davos sobre ‘nova Guerra Fria’

Sem mencionar diretamente os Estados Unidos, Xi se apresentou como um defensor do multilateralismo e da globalização

This photo released on February 10, 2020 by China’s Xinhua News Agency shows Chinese President Xi Jinping (L) meeting local residents during an inspection of the novel coronavirus pneumonia prevention and control work at the Anhuali Community in Beijing. (Photo by JU PENG / XINHUA / AFP) / – China OUT – Hong Kong OUT – Japan OUT – Germany OUT – United States OUT – United Kingdom OUT / —–EDITORS NOTE—- RESTRICTED TO EDITORIAL USE – ONE TIME USE – MANDATORY CREDIT “AFP PHOTO/XINHUA / JU Peng” – NO MARKETING NO ADVERTISING CAMPAIGNS – DISTRIBUTED AS A SERVICE TO CLIENTS – NO ARCHIVES /

O presidente chinês, Xi Jinping, alertou nesta segunda-feira (25) no Fórum Econômico de Davos que uma “nova Guerra Fria” está sendo travada virtualmente, e pediu unidade global em face da pandemia do coronavírus.

Sem mencionar diretamente os Estados Unidos, Xi se apresentou como um defensor do multilateralismo e da globalização, como fizera neste mesmo fórum há quatro anos, pouco antes de Donald Trump chegar ao poder.

© Agence France-Presse






Você pode gostar