Economia

Lote residual do auxílio emergencial será liberado para 196 mil pessoas na próxima quinta-feira

Do total de pessoas contempladas, 191 mil apresentaram contestações por meio da plataforma digital nos períodos de 7 a 16 de novembro de 2020 e de 13 a 31 de dezembro de 2020

A partir da próxima quinta-feira (28), o Ministério da Cidadania irá liberar o lote residual do auxílio emergencial para 196 mil pessoas. Ao todo, serão destinados R$ 248 milhões para o pagamento do benefício. O dinheiro estará depositado em contas poupanças sociais digitais e poderá ser sacado.

Do total de pessoas contempladas, 191 mil apresentaram contestações por meio da plataforma digital nos períodos de 7 a 16 de novembro de 2020 e de 13 a 31 de dezembro de 2020 e que foram considerados elegíveis.

Com isso, as pessoas que tiveram a contestação deferida irão receber todas as parcelas a que tem direito. Também serão contemplados os aniversariantes de janeiro a dezembro.

Cinco mil trabalhadores que tiveram seus benefícios concedidos e depois reavaliados neste mês de janeiro, por causa de atualizações de informações que foram feitas nos bancos de dados governamentais, também receberão a parcela.

As informações foram passadas por meio da Portaria 597, publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (dia 26).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Distribuição das parcelas

Segundo o ministério, entre as 196 mil pessoas contempladas no total, há 8.300 que receberão a segunda, a terceira, a quarta e a quinta parcelas do auxílio emergencial. Outros 40.900 trabalhadores receberão as três últimas. Um terceira grupo, de quase 68.100 cidadãos, terá direito à quarta e à quinta parcelas. Por último, 78.300 vão sacar somente a quinta parcela.






Você pode gostar