Brasil

Toshiba e SanDisk construirão fábrica de chips de US$ 5,2 bilhões

Por Arquivo Geral 07/07/2006 12h00

A Toshiba e a SanDisk planejam investir cerca de 600 bilhões de ienes (US$ 5, what is ed this 2 bilhões) para construir uma nova fábrica de chips de memória flash no Japão e concorrer melhor contra a rival Samsung Electronics, informaram hoje jornais japoneses.

Os diários Asahi e Sankei afirmam que as duas empresas construirão uma fábrica de chips de memória flash NAND na em Iwate, norte do Japão, e começariam a operar lá em 2008/9.

Depois das reportagens, a Toshiba divulgou comunicado informando que o local e outros detalhes de sua nova fábrica de chips de memória flash NAND ainda estavam sendo discutidos.

A Toshiba, segunda maior fabricante mundial desse tipo de chip, depois da Samsung, havia anunciado em maio que planejava construir uma quinta fábrica de processadores de memória flash NAND para atender à alta demanda por esse componente.

Sua divisão de microchips NAND é a maior fonte de receita da empresa. As operações de semicondutores responderam por mais de metade do lucro operacional do grupo no ano fiscal encerrado em 31 de março, ainda que o segmento responda por apenas 16% do faturamento da Toshiba.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"No setor de chips, ganham aqueles que constroem capacidade suficiente para permitir que reduzam custos mais rápido quando caem os preços", disse Yoshihide Ohntake, analista da Shinko Securities. "Se deseja sobreviver, a Toshiba tem de apostar pesado, como está fazendo agora, para desenvolver essa capacidade. Considerados todos os riscos, a decisão deve ser vista como passo positivo", afirmou.

As ações da Toshiba fecharam em alta de 0,3%, com desempenho ligeiramente superior ao do índice de maquinário elétrico da bolsa de Tóquio, que não se movimentou.

A Toshiba estabeleceu em maio um plano para elevar em 80% seus investimentos de capital, para US$ 8 bilhões nos próximos três anos, e metade dessa quantia está reservada às operações de semicondutores.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A empresa planeja duplicar sua capacidade de produção de chips de memória flash NAND até 2008/9, e elevar o lucro operacional de sua divisão de chips em 72%, para 230 bilhões de ienes, e as vendas de microchips em 74%, a 1,8 trilhão de ienes.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar