Menu
Brasil

Religioso é preso em SP suspeito de abusar de menores por quase 20 anos

Os crimes teriam acontecido no município de São José da Barra (MG). A ação foi realizada em conjunto entre as polícias civis de MG e SP

Redação Jornal de Brasília

19/06/2024 15h26

Foto: Reprodução

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

Um líder religioso de 68 anos, que não teve a identidade divulgada, foi preso na manhã desta quarta-feira (19), na zona leste de São Paulo, suspeito de abusar sexualmente de crianças e adolescentes entre 2003 e 2021.

Os crimes teriam acontecido no município de São José da Barra (MG). A ação foi realizada em conjunto entre as polícias civis de Minas Gerais e de São Paulo.

As denúncias de três supostas vítimas chegaram à polícia mineira em 2021. Durante as investigações foram descobertas outras duas pessoas que também teriam sido alvos do religioso.

O idoso utilizava da função em uma igreja na cidade para cometer os crimes, segundo a Polícia Civil de MG.

Até amigas das netas do suspeito seriam vítimas dos abusos. Segundo as investigações, os crimes também eram cometidos durante eventos da igreja.

Ele teria fugido para a capital paulista assim que soube das denúncias. O líder religioso foi indiciado por estupro de vulnerável contra cinco pessoas.

A Polícia Civil de MG diz que há possibilidade de outras pessoas terem sido vítimas do idoso. Os agentes orientam que novas denúncias sejam feitas na delegacia de Alpinópolis.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado