Menu
Brasil

Quilombola é morto pela PM na Bahia

José William Santos Barros morava na comunidade quilombola de Alagadiço, no município de Juazeiro, e morreu na tarde do domingo (27)

Redação Jornal de Brasília

29/08/2023 11h36

(UOL/FOLHAPRESS)

Um homem de 26 anos foi morto em uma comunidade quilombola da Bahia. Moradores da região afirmam que o tiro foi dado por policiais militares sem qualquer justificativa.

José William Santos Barros morava na comunidade quilombola de Alagadiço, no município de Juazeiro, e morreu na tarde do domingo (27).

Ele estava “em pé em uma moto” com amigos em uma estrada na frente da comunidade quando foi baleado pela PM, segundo informações do Compir (Conselho de Promoção da Igualdade Racial de Juazeiro).

Segundo a entidade, o corpo do jovem foi levado pelos policiais e “sumiu por uma hora”, sendo encontrado no Hospital Regional de Juazeiro pelos moradores.

“Não houve qualquer possibilidade de diálogo, defesa ou anúncio de prisão”, disse nota assinada pelo Conselho de Promoção da Igualdade Racial de Juazeiro.

A Polícia Civil da Bahia afirmou que uma morte decorrente de “intervenção de policiais militares” é investigada pela 1ª Delegacia Territorial de Juazeiro.

Segundo o órgão, o jovem morto “entrou em confronto com os policiais militares” e foi levado pelos PMs ao Hospital Regional após ser baleado. A polícia afirmou que uma arma foi presa na ocasião.

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado