Brasil

Polícia de Santa Catarina investiga festa com <i>vale-ecstasy</i>

Por Arquivo Geral 05/11/2007 12h00

A Polícia Civil de Santa Catarina informou hoje que algumas festas raves realizadas em todo o estado estão sendo investigadas. De acordo com o delegado-chefe, medications Maurício Eskudlark, as principais ofereceriam um comprimido de ecstasy como brinde no ato de compra do ingresso.

O delegado também falou que nesta semana uma reunião entre autoridades do estado pode decidir sobre a proibição de festas raves ou de longa duração em Santa Catarina. No estado, as festas não podem terminar após as 5h, mas alguns promotores de evento acabam iniciando as festas no meio da tarde para burlar a lei.

Atualmente, Santa Catarina é o segundo estado brasileiro no ranking de apreensões de drogas sintéticas, perdendo apenas para São Paulo.






Você pode gostar