Brasil

No Brasil, 30 pessoas são infectadas com o vírus da aids todos os dias, afirma ativista

Por Arquivo Geral 05/11/2007 12h00

Organizações não-governamentais estimam que o Brasil tenha cerca de 600 mil pessoas com o HIV, look o vírus da aids, diagnosis e que 30 pessoas sejam infectadas diariamente pela doença. Os números foram apresentados pelo conselheiro nacional de saúde do Movimento de Luta Contra a Aids, Josemar Oliveira, que participa do 14º Encontro Nacional de ONG/Aids (Enong), em Goiânia.

“Temos hoje 180 mil pessoas fazendo uso de medicamentos anti-retrovirais, disponibilizados pelo governo. Temos mais de 600 mil pessoas infectadas com o vírus HIV.  Outras 11 mil pessoas morrem em decorrência da aids por ano e 30 pessoas são infectadas diariamente no Brasil”, disse em entrevista à Agência Brasil.

Oliveira afirmou que a aids está se concentrando na população jovem, nas mulheres e em pessoas da terceira idade. “Precisamos acabar com esse conceito de grupo de risco. A vulnerabilidade é de todos e o compromisso é de toda a sociedade e de todo o governo”.

Para o conselheiro um dos maiores problemas é o crescimento da doença entre as mulheres que, de acordo com ele, têm bastante dificuldade na hora de exigir que o parceiro utilize preservativo durante a relação.

O Enong, que prossegue até o dia 7, discute os números e as novas estratégias para combater a doença no país. As 250 ONGs que participam do encontro vão redigir um relatório com sugestões a serem entregues ao Ministério da Saúde. A partir daí, as entidades esperam que sejam desenvolvidas ações pontuais para tentar conscientizar a população e diminuir a quantidade de novas infecções.






Você pode gostar