Na Hora H!

“Você tem cara de ladrão, vai ser ‘enquadrado’ dez vezes”, afirma PM durante abordagem

Jovem voltava do trabalho de bicicleta, quando foi abordado por três policiais

Durante uma abordagem, um operador de loja, de 23 anos, registrou o momento em que um policial militar afirma: “você tem cara de ladrão, vai ser ‘enquadrado’ dez vezes, você tá escutando?”. O jovem voltava do trabalho, na manhã de terça-feira (12), quando foi parado pelos policiais. Indignado, ele decidiu postar o vídeo da abordagem nas redes sociais.

Lucas Costa de Araújo trabalha durante a madrugada em um supermercado. Ele contou ao Portal G1 que, por volta das 6:30, passava de bicicleta em uma ciclovia do bairro Gonzaga, em Santos, no litoral de São Paulo, quando foi abordado por três policiais, que também estavam de bicicleta.

Ele relatou que os militares deram meia volta assim que o viram. Como era o quarto ‘enquadro’ que Lucas recebia no ano, ele resolveu filmar a abordagem.

No vídeo, um dos PMs aparece questionando: “por que que você tá revoltado aí? [sic]”. Em seguida, o jovem olha e diz: “Porque é o quarto ‘enquadro’ que eu levo esse ano [sic]”. O PM responde: “Fod***, tu tem cara de ladrão, tu vai ser enquadrado dez vezes, você tá escutando? [sic]”.

Na sequência, o jovem perguntou ao policial: “eu tenho cara de ladrão, né isso?”. Por fim, o militar confirma o que havia dito e pega o celular para filmar o jovem.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lucas afirma que, como o outro PM pediu que ele colocasse a mão na cabeça e guardasse o celular, ele encostou a bicicleta e foi revistado pelos policiais.

Após isso, uma viatura com dois policiais parou no local e os PMs consultaram o RG do rapaz, antes de liberá-lo. Lucas contou que o militar que o ofendeu fez ameaças contra ele.

“Depois disso, veio o soldado que me ofendeu e ficou me peitando, falando que eu tinha dado sorte e que desta vez passaria batido, mas que, caso ele me visse na favela, eu estava ferrado. Fiquei com medo e por isso postei os vídeos. Até então, eu não iria postar, mas pensei que, caso acontecesse algo comigo, já tinha aquilo registrado”, relatou ao Portal G1

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Polícia Militar divulgou uma nota, onde a corporação afirma que não compactua com desvios de conduta, e que todas as denúncias são rigorosamente investigadas.

“A abordagem policial é uma atividade operacional necessária, por permitir a descoberta de objetos ilícitos em posse dos infratores, preserva a vida dos cidadãos e do próprio policial quando realizada dentro dos parâmetros técnicos necessários e regulada por Procedimento Operacional Padrão pautado na legislação vigente, Direitos Humanos, Polícia Comunitária e Gestão pela Qualidade.

No ano de 2020, a Polícia Militar teve como resultado de suas ações e abordagens 7,7 mil armas de fogo e 227 toneladas de drogas apreendidas, recuperou 36 mil veículos e prendeu 125 mil criminosos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A Polícia Militar não compactua com desvios de conduta, e todas as denúncias são rigorosamente investigadas. O material encaminhado pela redação foi direcionado à Seção de Justiça e Disciplina para apuração”.






Você pode gostar