Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Na Hora H!

VÍDEO: travesti é amarrada e torturada dentro de carro

O vídeo do ataque foi gravado na manhã de segunda-feira (19) e divulgado nas redes sociais

Foto: reprodução

A Guarda Municipal de Teresina (GCM) informou que investigará o ato de um agente envolvido no caso de uma travesti suspeita de roubo na comunidade São Joaquim, no distrito de Teresina.

O vídeo do ataque foi gravado na manhã de segunda-feira (19) e divulgada nas redes sociais. Vários vídeos de suspeitos não identificados foram gravados e publicados nas redes sociais.

Em uma deles, ela conversou com um homem e afirmou estar envolvida em um assalto. Outro vídeo mostrou que o suspeito foi amarrado ao porta-malas do carro e foi atacado por pelo menos dois homens com um pedaço de madeira.

As crianças testemunharam essa cena. Algumas mulheres pediram aos homens que parassem de bater nela, enquanto dois homens bateram nela com um pedaço de madeira e pediram informações sobre o tanque de gasolina e o colar que ela supostamente roubou.

A Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra) comentou o caso nas redes sociais. O grupo pediu providências quanto ao caso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar