fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Polícia alemã desmantela ‘maior’ site de vendas na Darknet

“Pelo menos 320.000 transações foram feitas lá”, pagas com criptomoedas como bitcoins e monero. O total chegaria a cerca de 170 milhões de dólares

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A polícia alemã desmantelou o “maior” site do mundo de venda de drogas, documentos falsos e moedas falsas, e prendeu um suposto responsável – anunciou a Procuradoria de Koblenz, na Alemanha, nesta terça-feira (12).

O suposto operador do que foi apresentado pelos investigadores como o “maior” ponto de venda da Darknet (portais que não são acessíveis ao público e são usados principalmente para tráfico ilegal) é um australiano de 34 anos. De acordo com o comunicado da Procuradoria, ele foi preso na fronteira entre Alemanha e Dinamarca.

Mais de 20 servidores foram apreendidos na Moldávia e na Ucrânia, acrescenta a Procuradoria, que conduziu suas investigações durante “meses” com policiais do serviço central de investigação criminal de Oldenburg.

Policiais de vários países, como Estados Unidos, Reino Unido, Dinamarca, Moldávia e Ucrânia, também participaram da operação.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A plataforma foi desmantelada na segunda-feira (11), depois que seus servidores foram desativados.

Para os investigadores, o “DarkMarket” era, “sem dúvida, o maior mercado mundial da Darknet, com mais de 500.000 usuários e mais de 2.400 vendedores”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Pelo menos 320.000 transações foram feitas lá”, pagas com criptomoedas como bitcoins e monero.

O montante total chegaria a cerca de 170 milhões de dólares, completa o comunicado da Procuradoria.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

© Agence France-Presse




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade