fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Mulheres negras grávidas foram libertadas de “fábrica de bebês” na Nigéria

O proprietário do local contratava homens para engravidar as mulheres e depois negociava a venda dos bebês

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Policiais da Nigéria fizeram o resgate de mulheres negras grávidas, na última terça-feira (1º), em Mowe, no estado de Ogun. Elas eram mantidas em uma “fábrica de bebês”, em que tinha que vender recém-nascidos por cerca de 400 libras (R$ 3 mil). Ao total, 10 pessoas foram libertadas, entre mulheres adultas e crianças. As informações são do site The Sun.

O proprietário do local contratava homens para engravidar as mulheres e depois negociava a venda dos bebês. Os valores variavam devido da criança. Se fosso menino, o preço era de aproximadamente R$ 3,5 mil. Caso fosse menina, o valor era de cerca de R$ 2,9 mil. Tanto o proprietário quanto a filha dele foram presos.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade