fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Mulher vítima de estupro coletivo em hotel diz que está abalada

“Só lembro de acordar com dois homens que não conhecia. Estou abalada”, relatou a vítima

Avatar

Publicado

em

Foto: Reprodução/Arquivo pessoal
PUBLICIDADE

A mulher de 44 anos que denunciou ter sido vítima de um estupro coletivo em um hotel em Caldas Novas-GO relatou, em entrevista ao Portal G1, que está muito abalada com a situação. A mulher contou ainda que perdeu a consciência por mais de cinco horas após ingerir uma bebida de cor amarela que foi oferecida pelo suspeito.

O caso ocorreu na sexta-feira (dia 1°). A vítima e o homem estavam hospedados em um hotel na cidade. Ambos conversaram durante alguns dias e, na sexta-feira, ela foi convidada a subir para o apartamento do suspeito, já que estava chovendo muito.

No cômodo, o suspeito teria oferecido uma bebida de cor amarela para a vítima.

“Experimentei um gole e achei ruim, por isso deixei o copo de lado. Depois disso não vi mais nada. Só lembro de acordar com dois homens que não conhecia. Estou abalada”, relatou a mulher ao G1.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Após o ocorrido, a mulher voltou para o apartamento onde estava hospedada com o filho. Ao perceber que havia algo errado com a mãe, o rapaz acionou a polícia.

A vítima contou ainda que acordou com muita dor e com hematomas pelo corpo, além de dificuldades para urinar. Durante as investigação, a polícia encontrou várias camisinhas sujas no apartamento onde teriam ocorrido os abusos. No celular do suspeito também foram encontradas fotos da mulher nua com outros homens.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Os suspeitos foram ouvidos e negaram o crime. Eles foram liberados depois de prestar depoimento. A vítima passou por um exame de corpo de delito e o resultado deve sair em até 10 dias.

 




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade