Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Na Hora H!

Mulher é morta ao defender amiga de ex-companheiro

De acordo com a Polícia Civil, Letícia Barbosa Silva, de 33 anos, fazia uma reunião familiar em sua residência, quando um homem chegou para atacar a ex-mulher

Uma mulher morreu com um tiro na cabeça ao tentar defender a amiga agredida por um ex-companheiro. O caso aconteceu neste domingo (16), em Alto Araguaia, a 426 km de Cuiabá. O marido da vítima e outro homem também ficaram feridos e foram encaminhados ao hospital do município.

De acordo com a Polícia Civil, Letícia Barbosa Silva, de 33 anos, fazia uma reunião familiar em sua residência, quando um homem chegou para conversar com a ex-mulher, que participava da confraternização.

Os dois discutiram e o homem agrediu a ex-companheira. Letícia foi defender a amiga e acabou levando um tiro na cabeça. O atirador também disparou contra o marido de Leticia e um outro homem. A mulher morreu na hora.

Os dois homens feridos foram levados ao hospital por vizinhos e passam bem. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Rondonópolis (MT) para a realização de exame de necropsia.

O suspeito do crime já foi identificado pela polícia, mas está foragido. A Polícia Civil investiga o caso.








Você pode gostar