fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Mulher é encontrada em poça de sangue após ser agredida com marreta; ex é suspeito

Filho encontrou mãe caída no chão e, em estado de choque, acionou o Samu

Avatar

Publicado

em

Foto: Arquivo pessoal
PUBLICIDADE

Uma mulher, de 42 anos, foi encontrada inconsciente e sobre uma poça de sangue na cozinha de sua residência. Mesmo em estado de choque, o filho dela, um jovem de 18 anos, acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) assim que encontrou a mãe. O ex-marido da vítima é suspeito do crime.

O irmão da vítima relatou ao Portal G1 que Marta de Abreu Dantas Silva foi encontrada, na quarta-feira (30), com um ferimento grave na cabeça. O filho dela acionou o Samu e a mulher foi encaminhada até um hospital, onde foi realizada uma tomografia. O exame constatou que não se tratava de um acidente doméstico, como foi inicialmente cogitado, mas sim de uma agressão.

No dia do ocorrido, o suspeito teria ido até a porta do quarto do filho com uma marreta em mãos. Ele informou ao jovem que iria sair para procurar emprego e, como o homem trabalha como pedreiro, a ferramenta não causou suspeitas.

Após algum tempo, o jovem foi até a cozinha para buscar comida. Neste momento, ele encontrou a mãe caída no chão e com uma poça de sangue sob a cabeça. Em estado de choque, ele acionou o Samu, que socorreu a mulher. O caso ocorreu em Praia Grande, no litoral de São Paulo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A vítima segue internada e inconsciente no Hospital Irmã Dulce. Ela e o suspeito moravam juntos, apesar de estarem separados. Ainda de acordo com o irmão de Marta, o ex-companheiro já a agrediu outras vezes. O suspeito segue foragido.

A arma que teria sido utilizada na agressão foi apreendida pela Polícia Científica e o caso está sendo investigado.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade