fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

MTV é denunciada ao Ministério Público por corte de sexo gay

Caso acate a denúncia, o Ministério Público convocará a MTV para esclarecimentos

Avatar

Publicado

em

Participantes do 'De férias com ex" Jarlles Góis e Leonardo Lacerda - Reprodução: Twitter @MTVBrasil
PUBLICIDADE

A MTV pode enfrentar problemas por ter cortado os momentos de intimidade entre os participantes homossexuais do “De Férias com o Ex”.

De acordo com o UOL, o Ministério Público de São Paulo, por meio da Promotoria de Justiça de Sumaré, recebeu uma representação pedindo que seja investigado um suposto crime de homofobia por parte da emissora. Enquanto as cenas de sexo entre os participantes heterossexuais são mostradas com frequência, as sequências de intimidade entre os participantes Leonardo Lacerda e Jarlles Góis foram cortadas.

O pedido foi encaminhado pelo ativista LGBT Gustavo Don, um dos fundadores da Parada LGBT de Mogi das Cruzes. Caso acate a denúncia, o Ministério Público convocará a MTV para esclarecimentos.

“Encaminhei para o MP para investigar se houve a discriminação. Muita gente pode criticar dizendo que quero que cenas de sexo sejam exibidas, mas na verdade é sobre a prática de tratar de forma desigual um casal gay e não sobre o conteúdo da cena vetada,” afirmou Gustavo ao site.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade