fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Menino de 10 anos abandona filhote de jacaré em pet shop após pedir remédio para tratá-lo

Sem especificar qual era o animal, o garoto questionou o que poderia dar de alimento ao “bichinho”

Avatar

Publicado

em

Foto: Arquivo pessoal
PUBLICIDADE

O gerente de um pet shopping Carlos Eduardo Ribeiro, de 43 anos, foi questionado por um menino, de 10 anos, sobre qual comida poderia dar para o seu “bichinho” de estimação, que não se alimentava direito. Quando o garoto voltou com um filhote de jacaré, o profissional ficou surpreso e acionou a Polícia Ambiental.

De acordo com Carlos, o menino foi até o estabelecimento atrás de um remédio para o animal, que não estava comendo direito. Sem especificar qual era o animal, o garoto questionou o que poderia dar de alimento. “Ele não queria me dizer qual era e eu falei que não poderia dar uma ideia sem saber”, explicou Carlos ao Campo Grande News.

“Ele não queria me dizer qual era e eu falei que não poderia dar uma ideia sem saber”, completou.

Com isso, o garoto saiu e, pouco tempo depois, voltou com uma caixa de sapato “Eu tomei um susto quando vi qual era o bicho”, contou Carlos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O funcionário orientou o menino e disse que ele deveria acionar a polícia ambiental. No entanto, o garoto saiu correndo da loja. Antes de ir embora, ele alegou que o jacaré era de um amigo.

O filhote de jacaré tem 25 centímetros e foi recolhido e levado ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres).




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade