Na Hora H!

Menina de 12 anos diz que esfaqueou padrasto para defender a mãe

Mulher, de 32 anos, contou à Polícia Militar que o marido, de 40, chegou em casa e começou a consumir drogas perto dos filhos dela

Uma menina de 12 anos contou à polícia que esfaqueou o padrasto para defender a mãe, na madrugada desta quinta-feira (21). Na ocasião, o casal teria iniciado uma briga e a garota esfaqueou o homem para defender a mãe das agressões. O homem alega que foi a mulher quem o esfaqueou.

O caso ocorreu em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A mulher, de 32 anos, contou à Polícia Militar que o marido, de 40, chegou em casa e começou a consumir drogas perto dos filhos dela.

A mulher repreendeu o homem e ambos iniciaram uma discussão. Em seguida, o homem pegou uma faca e tentou atingi-la. Durante a briga, a faca caiu no chão e a menina usou a arma branca para desferir um golpe no tórax do padrasto.

A mãe e a adolescente apresentaram a mesma versão. A garota contou ainda que soltou a faca após perceber que o homem estava alterado pelo uso de drogas.

O homem contou outra versão à polícia. Ele alegou que a mulher teria iniciado a discussão por ele ter chegado em casa tarde. O homem afirmou ainda que foi a mulher quem o agrediu com a faca.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ele também afirma que, para se proteger, chegou a segurar a lâmina com a mão esquerda, que ficou ferida.

Após atender à ocorrência, os policiais militares levaram o homem ao Hospital Municipal de Contagem (HMC), onde ficou em observação.

O Conselho Tutelar de Contagem acompanhou a ocorrência. A perícia da Polícia Civil apreendeu a faca e irá apurar o caso. A ocorrência foi registrada como lesão corporal e encaminhada à delegacia de plantão da cidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE






Você pode gostar