Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homens matam idoso, o enterram no próprio quintal e passam a morar na casa dele

Crime foi descoberto pela própria família da vítima. Um dos filhos dele começou a cavar o quintal e encontrou o corpo do pai

Willian Matos

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da redação
redacao@grupojbr.com

Suspeitos invadiram a casa de um idoso de 68 anos e o mataram a facadas. Em seguida, enterraram o corpo no próprio quintal dele. O caso foi descoberto em Ilha Comprida-SP, na noite de quinta-feira (14).

O crime veio à tona quando a filha ligou para o pai e um homem chamado Douglas atendeu. De acordo com outro filho, o idoso não atendia o telefone há dias, o que levantou a suspeita.

Os irmãos, que moram na capital, foram em busca do pai, no interior paulista. Lá, eles constataram que três homens estavam morando na casa do idoso. Eram os suspeitos de ter matado a vítima.

Ao chegarem na cidade, um dos rapazes tentou ludibriar a família. “Ele ainda tentou despistar a gente, falando que meu pai pediu para ele ficar tomando conta da casa, sendo que ele nunca tinha feito isso com ninguém”, explicou o filho da vítima.

“Ele conseguiu enganar todos nós, mas começamos a suspeitar e resolvemos revirar o quintal. Mais à frente, meu irmão falou assim ‘olha, aqui está fofo, o pai tá aqui’. Foi quando meu irmão começou a cavar e apareceu um plástico branco e, em seguida, saiu a cabeça do meu pai. Ele tinha facadas na cabeça e na costas. Além de estar com o braço quebrado”, explicou o filho.

Um dos suspeitos, de 30 anos, foi preso. Os outros dois estão foragidos.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade