Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homem que matou garçonete com 19 facadas é condenado por júri popular

A garçonete Sandra Helena Sarmanho de Melo trabalhava no local e era constantemente assediada pelo acusado

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Cléber Santos da Cruz, 32 anos, foi condenado a 25 anos e seis meses por matar uma garçonete com 19 facadas. O julgamento aconteceu nessa segunda-feira (11) pelo Tribunal do Júri, em Belém.

Segundo as autoridades, o crime aconteceu no dia 20 de junho, em uma lanchonete localizada na Arena do Baixinho, distrito de Outeiro, na capital. A garçonete Sandra Helena Sarmanho de Melo trabalhava no local e era constantemente assediada pelo acusado. No dia do crime, ele a atacou com 19 facadas.

A vítima foi socorrida por um policial, recebeu atendimento médico no hospital, mas acabou morrendo devido aos graves ferimentos.

No tribunal, o policial reconheceu Cléber. Os jurados rejeitaram a tese da defesa, que negava a autoria do acusado.


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade