Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homem mata enteado com 20 facadas por “não parar de chorar”

Segundo as autoridades, após o ataque o homem tentou se esfaquear e pulou do primeiro andar do prédio. A suspeita é de que ele tentou simular um suicídio

Publicado

em

Publicidade

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Depois de esfaquear a namorada, um homem matou seu enteado de 4 anos no último sábado (12). O caso aconteceu em Santo Antônio de Jesus, na Bahia. Segundo as autoridades locais, o homem desferiu oito golpes na mulher e depois se virou contra a criança, que desesperada com a situação que presenciava, não parva de chorar. Irritado, o homem esfaqueou a criança 20 vezes com uma peixeira.

Segundo as autoridades, após o ataque o homem tentou se esfaquear e pulou do primeiro andar do prédio. A suspeita é de que ele tentou simular um suicídio.

Ainda segundo os policiais, a mãe mora em Salvador e se encontrava com o namorado exporadicamente nos fins de semana. No Dia das Crianças, a mulher resolveu levar o filho para conhecer o novo namorado. Obcecado, o homem teria acusado a mulher de traição, foi a cozinha, pegou a faca e atacou a mulher. Os golpes começaram no banheiro do apartamento, se estendeu pelo local até a janela, quando para fugir, a mulher se jogou. O homem ficou com a criança dentro do local e partiu para matá-la.

O homem confessou o crime e disse ter matado a criança por que ela “não parava de chorar” e gritar pela mãe. Ele foi autuado em flagrante pelo assassinato do menino. Ele responderá por homicídio triplamente qualificado: motivo cruel, impossibilidade de defesa da vítima e motivo torpe, além de responder por tentativa de homicídio duplamente qualificada – por motivo fútil e impossibilidade de defesa da vítima por causa do do ataque à namorada. 


Você pode gostar
Publicidade