Siga o Jornal de Brasília

Na Hora H!

Homem faz funcionária de imobiliária refém após não receber um estorno

Após negociação, o dono da cooperativa entregou o dinheiro que deveria pagar ao casal, e a refém foi liberada

Publicado

em

Advertisements

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Após desistirem da compra de um imóvel, um cubano de 37 anos e sua companheira deveriam ter recebido um valor em dinheiro. No entanto, com a negativa da funcionária da imobiliária, o homem a fez de refém com um canivete no bairro Parque 10, Zona Centro-Sul de Manaus.

Na noite da última terça-feira (17), o homem foi preso. Segundo a polícia, há suspeita de que ele tenha transtornos psiquiátricos.

De acordo com o tenente Thiago Mascarenhas, da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), a polícia recebeu a denúncia de que uma funcionária de uma cooperativa imobiliária era feita refém. No local, as autoridades encontraram o homem com um canivete.

“Ele e a esposa estavam adquirindo um imóvel. Depois de visitar o local, eles resolveram desfazer o negócio. Pelo contrato, a imobiliária teria que devolver uma parte do dinheiro, cerca de R$ 12.500. Eles tinham até hoje para entregar o dinheiro. O casal foi lá, mas não devolveram. O suspeito surtou e fez a funcionária refém”, explicou o tenente.

Durante a operação, uma negociação foi feita com o homem. O dono da cooperativa entregou o dinheiro que deveria pagar ao casal, e a refém foi liberada. Em seguida, o cubano entregou o canivete, se apresentou aos policiais e foi encaminhado para o 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) levou o homem ao Centro Psiquiátrico Eduardo Ribeiro para receber atendimento médico.


Você pode gostar
Publicidade